A CURIOSA HISTÓRIA DE “ESPANHOLA”

6
3268

sa e guarabyra [1977] pirao de peixe com pimenta

Espanhola (te amo espanhola/te amo…) é uma das músicas mais conhecidas do cancioneiro brasileiro, obrigatória em todos os “voz e violão” de barzinhos. Vale assim relatar a situação curiosa que envolveu sua criação.

Nos idos de 1977, o cantor Gutemberg Guarabyra estava tomando umas na capital paulista e lá pela madrugada decidiu ir para casa. Não suportando o frio, ele decidiu parar no meio do caminho e bater na porta do também compositor Flávio Venturini, onde os dois passaram algumas horas juntos. Em seguida, Guarabyra retomou o caminho de casa.

No outro dia, Venturini telefonou para Guarabyra e disse que havia musicado a letra que este havia feito na madrugada anterior. Guarabyra então sapecou: na madrugada? Que letra? Ou seja, Guarabyra não lembrava de ter passado na casa de Venturini e menos ainda de ter escrito a letra de uma música.

A história foi contada pelo próprio Guarabyra, numa edição recente do programa O Som do Vinil, do Canal Brasil.

Espanhola foi inserida no disco Pirão de Peixe com Pimenta, de Sá & Guarabyra. Também deste disco, de 1977, é a música “Sobradinho” (O sertão vai virar mar, dá no coração / O medo que algum dia o mar também vire sertão).

6 Comentários

  1. Oi, eu sei que a postagem é sobre a música espanhola mais eu estou achando estranho é sr Erasmo[tio] não ter feito nem um comentário sobre a rodada do meio de semana do campeonato carioca, sim escrevi esse comentário aqui do bairro BOA VISTA!!!

  2. Muito boa música de Sá e Guarabyra, boa mesmo, mas… homem, rapaz, acredito que esses caras são muito machos, mas essa conversa desse bêbado não lembrar de nada e mais esse papo de “onde os dois passaram algumas horas juntos”, ficou esquisito, né não?

  3. Então ele tava bêbado e dirigindo, diz Sandra Anheberg: que deselegante.

  4. Olá! Ouvi uma entrevista da Dupla e do Flávio Venturini. Eles contaram que a música foi inspirada em uma garota de Juiz de Fora-MG. Nessa cidade havia um circo, no qual essa pessoa apaixonou-se pelo trapezista que era espanhol. Guarabira tbm gostava dela.

  5. Olá! Se eu não me engano “espanhola” foi gravada também por uma cantora e ficou linda na voz dela, ouvi várias vezes nas FMs e nunca mais escutei espanhola com essa bela voz. Alguém sabe quem é essa cantora?

  6. Olá, Tiago Holanda e Marcos Romero, no relato do próprio Guarabira… nesse dia da bebida, ele estava sofrendo por uma paixão por uma moça aqui do rio o qual não conseguira efetivar… e estava muito frio a madrugada e eram cerca de oito quadras até a casa dele e estava a pé.
    Resolveu passar na casa do flavio venturino e do serjão que era no caminho.. la perguntou se flavio tinha algo novo ..e o mesmo pegou a viola e toucou a melodia… onde ele escreveu a letra baseado na desventura amorasa do passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome