CAMPANHA POLÍTICA: AS MESMAS VELHAS PRÁTICAS

2
72

“Não declines nem para a direita nem para a esquerda; retira o teu pé do mal” (Provérbios 4:27).

Após as convenções do sábado, que confirmaram as candidaturas a prefeito de Cláudia Regina (DEM) e Larissa Rosado (PSB), as redes sociais foram invadidas por assessores e entusiastas de uma e de outra candidatura. Todos defendiam que a sua convenção havia tido maior volume de pessoas.

Particularmente não sei qual foi a vitoriosa em volume de gente. Não sei porque não compareci a nenhuma das duas e também porque não posso – INFELIZMENTE – acreditar no que alguns colegas da imprensa escreveram sobre esse assunto em si. É gritante a parcialidade da imprensa. Cada um tem seu lado. Não há jornalistas em essência, há assessores “fantasiados” de jornalistas. Claro que há exceções, mas estas os leitores contam nos dedos. Não declinarei nomes, cabe a cada um desempenhar seu trabalho (sua tarefa) e a cada leitor identificar quem é quem.

As matérias sobre as convenções foram apenas o ponta-pé inicial de uma série de distorções e manipulações que nos aguardam.

Quanto às convenções em si, as pessoas minimamente imparciais com quem conversei disseram que foram equivalentes em volume de gente, detalhe que favorece o evento do PSB, ante o mar de cargos em comissão existentes nos quadros da prefeitura e do governo estadual, ambos sob o domínio do DEM .

Por outro lado, volume de gente em convenção não pode servir de base para dizer que A ou B é favorito. Pode dizer, no máximo, quem tem melhor logística para agrupar pessoas.

O primeiro fim de semana “político” me fez notar que esta campanha não será nadinha diferente das pretéritas. Mossoró ainda não evoluiu para o estágio de campanhas na base da troca de idéias e da divergência com respeito, apesar dos discursos dos candidatos neste sentido.

2 Comentários

  1. O maior numero de pessoas numa convenção dessas só quer dizer que aquela coligação tem mais gente com interesses diretos na eleição (leia-se cargos, favores, etc)

  2. OH, Tio Colorau, OH os provérbios que saco….!!!!

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO
    OAB/RN. 7318.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome