PÍLULAS…PÍLULAS…(03abr)

2
101

veja_2524

A veja desta semana trouxe, como matéria de capa, uma denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), ex-candidato a presidente da República.

A reportagem foi feita com base na delação premiada de Benedicto Júnior, o BJ, ex-diretor de infraestrutura da empreiteira Odebrecht. BJ não é qualquer um. Segundo a revista, é o terceiro na hierarquia da citada empreiteira. O STF homologou sua delação, sugerindo assim que ela é relevante. Não são palavras ao vento.

O delator disse que de 2003 até hoje Aécio Neves já recebeu R$ 70 milhões da Odebrecht, dinheiro este dado em contrapartida por ações realizadas pelo líder político que beneficiaram a Odebrecht, especialmente em licitações. A matéria cita algumas dessas obras.

  A Veja lembra que Aécio neves é o político mais citado nas delações da lava-Jato. Isso mesmo, o mais citado. Dos 83 inquéritos abertos pela Procuradoria-Geral da República dentro da operação Lava-Jato, SEIS são em desfavor do tucano. Nenhum outro político atinge este número de inquéritos.

O senador, claro, nega tudo.

*

Os dois últimos Jornais Oficiais do Município (JOMs) não trouxeram nomeações de cargos comissionados. A expectativa, contudo, é de dezenas de nomeações nas próximas semanas, ante a recriação da Secretaria Municipal de Cultura. Até hoje foram nomeados 425 (quatrocentos e vinte e cinco) cargos comissionados.

No início da gestão, a prefeitura anunciou em jornais que iria reduzir à metade o número de cargos comissionados. Não aconteceu. A estrutura da prefeitura tem em torno de 700 cargos comissionados. A metade, logo, é 350.

Primeira promessa descumprida. E neste caso não se pode falar em herança maldita.

Ao conversar com uma cigana, esta me disse que a prefeitura preencherá todos os cargos em comissão até o Mossoró Cidade Junina.

ADENDO: Hoje entrou no ar o JOM 401, que trouxe duas nomeações de cargos comissionados, as quais serão somadas quando das próximas atualizações.  

*

E o estádio Manoel Leonardo Nogueira? O prazo dado pelo juiz Pedro Cordeiro para cumprir as exigências do Corpo de Bombeiros se encerra no próximo dia 20. A mesma cigana da nota anterior me disse que a tendência é que a praça esportiva seja novamente interditada. Até agora a prefeitura não moveu uma palha para solucionar o problema.

*

Na terça-feira (04) o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começará a julgar o pedido de impeachment da chapa Dilma/Temer. As provas são robustas. Juristas dizem que uma sentença condenatória é quase certa, o que provocaria uma eleição indireta para presidente. Seria isso uma boa, diante de um Congresso Nacional totalmente desacreditado e povoado por réus na Lava-Jato?

Estamos diante de um “se correr o bicho pega…”. Os sete ministros do TSE deverão ter muita sensatez para tomar a decisão mais acertada. Eu só espero que ninguém se saia com um pedido de vista. O órgão não se pode fugir de sua obrigação.

Deixo de comentar a hipótese de separarem a chapa para condenar Dilma e absolver Temer, quão absurda juridicamente ela é.

*

A nova atualização do WhatsApp trará uma mudança interessante. O emissor poderá apagar a mensagem até DOIS minutos depois de enviada, isso se o destinatário não ler antes.

2 Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome