PÍLULAS…PÍLULAS…(22mai)

1
117

16253157

Hoje pela manhã o fedor insuportável estava afastando os praticantes de caminhadas do entorno da Praça de Convivência. O problema não é de hoje. O que era pra ser um belo ponto turístico é prejudicado pela falta de planejamento para tratar os dejetos produzidos, os quais ficam acumulados no local, produzindo um odor fétido que afasta os clientes.

*

Por falar em Praça de Convivência, me lembrei do Pingo da Mei Dia. A venda de camarotes privados está a mil, mas até agora não vi nada oficial sobre o evento, especialmente as atrações. Vão sortear um dia antes, igual a prova oral de concurso público?

*

IMG-20170520-WA0060

Os filhos do popular Zé Maria Mala Velha não cansam de lhe dar orgulho. Desta vez foi Rafael Bezerra Cavalcanti, que recebeu o prêmio Átila Augusto Freitas de Almeida, do Centro de Ciência e Tecnologia (CCT) da Universidade Federal de Campina Grande (PB). A honraria é concedida aos que obtém o 01º lugar em desempenho acadêmico dentre todos os cursos da CCT. Rafael graduou-se em Engenharia Mecânica. Os parabéns do blog ao novo profissional e ao pai, que não cabe em si de tanto orgulho.

*

Nos meus tempos de Ensino Médio, a cidade de Cubatão (SP) era referência negativa quando se tratava de poluição ambiental. Até hoje meus contemporâneos a associam a fumaças e poeira tóxica.

Nos dias atuais a cidade não pode mais ser incluída na lista de mais poluídas. Em 10 anos, o município paulista reduziu suas emissões em 75%, chegando a 12,5 mil toneladas de poluentes na atmosfera por ano. Para comparar, São Luís (MA) emite 51,4 mil toneladas.

*

Pelas acusações do empresário Joesley Batista, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) deverá responder, também, por quebra de decoro perante o Conselho de Ética do Senado Federal. O problema, pasmem, é que tal conselho ainda não foi formado. Pois é, quatro meses da atual legislatura e o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE) ainda não formou o colegiado.

*

I – No caso de afastamento do presidente Michel Temer por decisão judicial ou renúncia, o novo mandatário da nação será escolhido, em eleição indireta, pelo Congresso Nacional, mas será que eles têm moral para escolher um presidente? 52% dos senadores e 33% dos deputados federais respondem a inquéritos ou processos por corrupção. Claro que não possuem. Não há dúvida de que escolherão alguém do mesmo lamaçal em que eles estão.

*

II – A melhor solução seria alterar a Constituição Federal a fim de permitir ao povo escolher seu presidente, devolvendo assim o poder que lhe foi tirado no ano passado, via impeachment. A Direita não quer nem ouvir falar nesta hipótese, vez que correria o risco de Luiz Inácio ser eleito. Como assim, por que o medo de ir para um embate democrático? Até quando vão viver de impeachments e de eleições indiretas? Por que não tentar do jeito certo, nas urnas?

*

Ontem, domingo, por volta das 18h, dezenas de pessoas estavam a postos em frente à Cadeia Pública Manoel Onofre. Esperavam os alvarás de soltura de fim de plantão. Familiares de pessoas que foram presas no fim de semana e que o juiz de plantão concedeu a liberdade provisória, com ou sem fiança, dependendo do caso.

Mães chorando, irmãos se abraçando, filhos vibrando. Esta é a rotina de todo fim de plantão judiciário na cadeia pública.

1 comentário

  1. Tio, o pior é correr o risco de Luiz Inácio ser eleito de novo,e continuar tudo do mesmo jeito, já que temos um povinho sem caráter e desonesto, cúmplice de toda essa safadeza que está ocorrendo no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome