Pílulas…pílulas…pílulas…(05ago)

0
217

O serviço de transporte de passageiros via aplicativo de celular, o Uber, passou a operar em Mossoró às 14h da última terça-feira. De início, houve a informação de que a prefeitura iria fiscalizar e coibir o serviço em Mossoró, o que foi prontamente desmentido por uma Nota de Esclarecimento, a qual afirmou, contudo, que o serviço precisa ser regulamentado por lei. Ou seja, caso não haja regulamentação, mais cedo ou mais tarde a prefeitura interferirá.

PREÇOS – O Uber aplica tarifas semelhantes aos moto-taxistas. Pelos exemplos já trazidos por amigos, a corrida mais longa dentro da zona urbana de Mossoró não passa de R$ 20. Estou falando de extremo a extremo, do conjunto Redenção ao conjunto Vingt Rosado.

SATISFAÇÃO – Já conversei com motoristas e usuários do Uber. Todos se mostraram satisfeitos. Um motorista me disse que chegou a fazer mais de 20 viagens na quarta-feira. Usuários disseram que o preço é justo e o serviço é ágil.

INSATISFAÇÃO – Taxistas e moto-taxistas estão alegando concorrência desleal, vez que o Uber não paga tributos, por se tratar de um serviço combinado via aplicativo de celular, sem participação do poder público. Essa contenda existe em todo o país, no entanto, o serviço veio pra ficar.

SEGURANÇA – Como não é impossível um bandido se cadastrar como motorista de Uber, recomendo aos usuários que, ao solicitarem o serviço, façam um print dos dados do veículo e do condutor, enviados pelo aplicativo, e remetam para algum familiar ou conhecido.

DRINK – Não há mais desculpas para beber e dirigir. O Uber leva até quatro pessoas, o que dá R$ 4 a R$ 5 por cabeça, isso se a viagem for longa.

*

A comarca de Governador Dix-sept Rosado corre o risco de ser extinta. E não se trata de uma ideia para um futuro distante, é pra esse mês. O Tribunal de Justiça vai debater uma reorganização judiciária, onde se prevê, entre outras mudanças, a extinção de dez comarcas, entre estas a de Governador Dix-sept Rosado.

Caso a extinção ocorra, imediatamente o Ministério Público também fechará a Promotoria de Justiça na cidade. Não há lógica em manter uma promotoria onde não há fórum. A população da cidade será a mais prejudicada. Soma-se a tudo isso a possibilidade de a cidade também deixar de ter uma sede do Tribunal Regional Eleitoral. Debandada geral dos órgãos públicos.

Vale frisar, contudo, que ainda não há nenhuma decisão definitiva. É hora de a população da cidade, através de seus políticos e órgãos representativos, agirem.

*

O Desafio 15 Dias, idealizado pelo Herbalife, é o assunto do momento na cidade. A 3ª e atual edição teve início na última terça-feira e terminará no próximo dia 15. Dias depois haverá mais uma edição. Quem participa do desafio o elogia bastante. São duas refeições e duas atividades físicas por dia, além de orientação nutricional e muito incentivo. Sem falar no prêmio para o homem e para a mulher que tiverem o melhor desempenho: um iPhone 7 128GB para cada.

Quem quiser maiores informações pode entrar em contato com a coach Francisca, através do telefone-zap 98709-6732.

*

Li na edição passada da Veja uma entrevista muito interessante com a psicóloga Rosaly Sayão, especialista na área de família. Na ocasião ela falou da educação dos filhos. Uma passagem me chamou muito à atenção. Ela disse que os pais não precisam tratar de todos os assuntos com as crianças, e que não precisam se esforçar para responder perguntas complexas feitas pelos filhos. Não cabe a um adulto discutir descriminalização das drogas, aborto e desarmamento, por exemplo, com uma criança.

Então, o que fazer diante de uma pergunta complexa? A resposta é muito simples, sapeque um “Quando você crescer você vai entender”. Faça sem culpa. Estará ajudando muito mais a seu filho do que tentar discutir redução da maioridade penal, por exemplo. Tudo tem seu tempo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome