#MOSSORODASANTIGAS É DESTAQUE NO TWITTER

15
85

 trending

A rede social Twitter disponibiliza uma lista com os assuntos mais comentados do momento, são os chamados Trending Topics (TT’s). Integrar esta lista não é fácil. O assunto deve estar sendo comentado por centenas de usuários. Foi o que aconteceu com o tópico #mossorodasantigas, que entrou há poucos minutos na lista de assuntos mais comentados do Brasil.

Usando a expressão acima, usuários relatam o que existiu em Mossoró nos anos 80 e 90, como as bancas Lelê e Lalá, o Shopping Coelhão, as cartelas do Ganhe Já, o Skate Lanche, o Doutor Gastão, João Baraúna, a sorveteria Juarez, as festas na ACDP, o clube Asa Branca, entre centenas de outros lugares e pessoas.

Hoje, os tuiteiros mossoroenses decidiram viajar no tempo e levar todo o Brasil nesse passeio.

15 Comentários

  1. Por falar em Mossoró das antigas, acesse: http://professor-abrahao.blogspot.com
    Clique no link BPA Cast e ouça um bate papo sobre a chegada do sinal de tv a Mossoró, as sessões de cinema no PAX, CID E CAIÇARA e ainda o que rolava nas Rádios AM´s Difusora, Rural e Tapuio no final dos anos 60 e início de 70.
    Edvaldo Morais – Mossoroense em Ceará-Mirim RN

  2. Grande @tiocolorau, nunca vi o nome de Mossoro tão propagado no twitter, eu tb contribui, veja alguns:
    @TiagoHolanda
    Tiago J P Holanda
    Uma ruma “de menor” engabelando com carteira de estudante “fictícia” Balão do PAX p/ assistir pornochanchadas, hehehe #mossorodasantigas
    @TiagoHolanda
    Tiago J P Holanda
    Na madruga comer lá no Lula da ponte vendo tv p&b sanduba “americano” com crush e maionese caseira, ai,ui,barriga… #mossorodasantigas
    @TiagoHolanda
    Tiago J P Holanda
    Comer pizza que tinha mais pão do que qualquer outra coisa lá no portuga Patrício(PIZZARIA HUT) #mossorodasantigas
    @TiagoHolanda
    Tiago J P Holanda
    Na madrugada, cavalo de pau em frente ao patamar da São Vicente e o guarda da RF(Coronel) atirando prá cima, hehehe…#mossorodasantigas
    @TiagoHolanda
    Tiago J P Holanda
    Ouvir Kiss, Motorhead, ACDC… Alto, distorcido saindo deu Toca-fitas TKR amplificado por um Tojo lá no ferrão…#mossorodasantigas

  3. Ate o doido que matou um monte gente na Noruega diz que o Brasil não é um país sério;

  4. “Burburinho”, “Frango de Olinda”, “Festa dos Trepidants dia 30 de setembro no Imperial”, “Comprar ou trocar revistas ao lado do cine Pax”, “A Nova Triunfante (loja de brinquedos), lá minha mãe comprou o meu boneco Falcon da Estrela”, Volto mais tarde…

  5. “Loja Biton Surf Shop”, “Turma do Patamar”, ” O Merendinha”, “Panizzaria Hut”, “CREDA (em Tibau)”, “Ficar sentado a noite nas escadarias do Brisa, em Tibau, vendo os carros e o povo passar”, “O Bargaço, onde funciona hoje o Trattoria da Nova Betania”, “Lojas Charcenai, sem comprar você não sai”, “Bel-Loja”, “A Rural leva o mundo à sua casa”, “Notas e Avisos e Mensagens Musicais na Rádio Rural”, “Replay do Sucesso, programa J. Belmont”, “A Música da Minha Vida, programa J. Belmont”, “Rural Jóia-Jóia, programa de Seu Mané”… E por aí vai… :-)

  6. “Os cabarés das irmãs Creuza e Dolores, um deles chamava-se O Bataklan”, “Restaurante Mouraria”, “O Ferrão”, “Brasão”, “Chico do Psiu”, “Bar do Toinho da FM”, “Taberna do Ângelo”, “Da suspeita da existência de uma “cama” de baleia abaixo do Cine Cid”, “A concha acústica em frente ao Diocesano”, “Matinê no Sesc e no Sesi”…

  7. Eu também contribui;

    @botetodaempaulopiupiu

    Aví bote logo

    Jarbas, Dodôra, Ciniquim, Bráulio, Chico Meia Noite, Dalvo, Benedito, Cacau, Crioula, Cocotinha, Valdeci,

    @botetodaempaulopiupiu

    Aví bote logo

    Curral das Éguas, Coimbra, Copacabana, Arpeje, A Paraibana, Zé de Ticó, Piscina de Otacilio Viana, Estrada do Contorno, Alto do Louvor,

  8. Eu também deixei o meu lá e foi duas
    1 – O banho lá na Barragem de Genésio
    2 – A Cagada lá no Galpão da REFFSA, afinal quem quando moleque não fez o moderno nº 2 ali antes de um pelada no velho campo da estrada de ferrro.

  9. Esqueceram o Clube ipiranga, Hohe clube ACEU, prédio histórico e faz parte da memoria da Sociedade Mossoroense das Antigas;

  10. Pra tomar umas: Bar do Djalma, o segredo, o bar da rola, orange, canequinho, lambateria gets, paulistana, bar do cabeça, kachinauá, meio do mundo, musical 145, papel marchê, 2170, the wall, roberts (em frente a UERN), shoping liberdade (1º andar)…

  11. http://www.youtube.com/watch?v=O6SSmkK7_0U

    Oh, de “novo”! Que natureza e lembranças nostálgicas! E esse vídeo, na conexão acima, me fez lembrar o DKV do maestro Dermival, meu vizim, lá na Doze, em frente a casa do artilheiro Calé e frangueiro Itamar. A radiola do Bar de Seu Juca – hoje é o Juca’s Bar do filho do Juca – um grande amigo de infância. Lembra também as belas músicas da mais dela fase de nossas vidas.

    Mummy Blue, na Boate Snob; Blé Coco, no Ipiranga e no SESI. Tinha também, à deriva, os óculos-gata das gatas lá no Psiu! Dançando e querendo Macho! A real, real one. ( http://www.youtube.com/watch?v=fZvpB790fEc ) Era a era discoteca. Dessa era, não me cansava de curtir Automatic Lover (http://www.youtube.com/watch?v=fZvpB790fEc ) e The Model (http://www.youtube.com/watch?v=MHHv4u8Vomw ) The Robots ( http://www.youtube.com/watch?v=VXa9tXcMhXQ&feature=related )
    Na festa dos seresteiros, Cocota cantava, lá.

    Havia também as charangas vespertinas e improvisadas no Cantinho Bar e nos churrascos nos fundos dos quintais:

    – Segure o bode, Bulunga!!! E às pressas, levaram Bulunga pro Pronto-Socorro. É que foi na cabeça dele. O churrasco foi adiado. Era uma festa no Rabo da Gata, ao lado do cemitério, rua do Chapéu Cagado. Enquanto isso, apartava uma briga – é que os meninos tinham ido caçar, lá no cemitério. Neneto, carne de porco, cunhado do J. Escóssia, acertou um sebito. A briga foi grande. Eram 5 e Neneto queria as duas coxas, porque foi ele quem atirou.
    A Bossa-Nova reinava, mas já passava o cetro pra MPB: Belchior, Paulo Diniz etc, – inesquecíveis.

    Paixões televisivas: Perdidos no Espaço; Sítio do Pica-Pau Amarelo; Túnel do Tempo (nunca saí dele); O Bem Amado; Te contei? Se não contei – eu adorava os desenhos animados: Bob pai e Bob filho, Pep Legal, Tom & Jerry etc.
    Muitas saudades e desejo a todos aqueles velhos amigos muita saúde e paz.
    Agradeço pelo tópico. Como nos faz bem lembrarmos de pessoas e coisas que realmente marcaram.

    Era a Era disco:
    Chic – Le freak – 1978 http://www.youtube.com/watch?v=4KUL9-eNXzQ
    Friday Night http://www.youtube.com/watch?v=60a6LpB4zZ8
    Our Love (Donna Summer) http://www.youtube.com/watch?v=6uU9ikIg8FU

  12. O mundo ia se acabar. O desespero tomou conta. Alguém, naquele momento apocalíptico, já confessara o roubo de uma rapadura. Ainda dura, lá no fundo do quintal, o menino chorava e pedia perdão. Como NÃO era MESMO de se esperar, Dona Dulce, a “Santinha”, correu. Foi pro meio da rua e de lá suplicava perdão ao marido, Seu Joaquinzinho – homem trabalhador e bom dono de casa – que jamais desconfiava do que usava na cabeça.

    Vovó gritou:

    – Aleluia! É Jesus! Tou preparada e bom que você creia!

    Tentei explicar:

    – Vovó, isso é ciência!

    Ela perdeu a paciência e quis me cobrir na peia (diz a letra da música do meu amigo Léo de Pau do Ferros)

    Jarbas, ao olhar pro céu e se assustar com o glamour daquela majestosa rabichola luminosa se sentiu impotente e ofuscado – falou grosso. Já a Tadynha, coitada, indivíduo hermafrodito, não sabia pra que lado ir. Danou-se a chorar.

    Era o FIM (da década de 60) . Da Barreira do Inferno, em Parnamirim, a Força Aérea Brasileira acabara de lançar seu primeiro foguete. Sem meios de comunicação, a população do interior do estado passou o maior sufoco.

    Foi aí que se manifestou, com esse fenômeno, a materialização do problema da padronização do comportamento social causado pela catequização de toda uma sociedade castrada e alheia a suas próprias necessidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome