MOSSORÓ CRESCE, APESAR DE FAFÁ ROSADO.

0

 

 

 

Nos últimos anos a cidade de Mossoró vem sendo contemplada com uma série de investimentos do setor privado, seja na construção civil, no setor de educação, na instalação de lojas e supermercados etc.

 

Os investidores chegam motivados pelo poderio econômico da região, oriundo sobretudo da fruticultura irrigada, do petróleo, do sal, do camarão e até mesmo pela privilegiada localização geográfica de nossa cidade.

A administração municipal não pesa em nada quando da decisão dos grandes empresários de se instalarem em Mossoró. Se o prefeito fosse Paulo Doido a Wal-Mart, por exemplo, se instalaria aqui do mesmo jeito.

 A administração municipal incentiva apenas a criação de “gatinhas”, que em nada contribui para a nossa cidade, muito pelo contrário.

O mínimo que a administração municipal poderia fazer era zelar pelo asfalto das avenidas e calçamento das ruas de nossa cidade, o que não faz, justamente por causa delas, as citadas “gatinhas”.

Também poderia ajudar qualificando nossos jovens para trabalhar nestes empreendimentos, no entanto, a Funger (Fundação Municipal de Geração de Emprego e Renda) continua oferecendo os “modernos” cursos de manicura, pedicura, cabeleireira, costureira, padeiro etc.

É por estas e outras que temos a sensação de que Mossoró cresce, apesar de Fafá Rosado.

TSE ENCAMINHA PEDIDO DE LANICE FERREIRA PARA O TRE

0

 

O ministro Marcelo Ribeiro, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou o envio ao Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) do mandado de segurança em que Lanice Ferreira de Macedo, eleita para a prefeitura do município de Dix-Sept Rosado, pede a concessão de liminar contra decisão que manteve o andamento de recurso contra a sua diplomação como prefeita. Lanice é acusada de abuso de poder econômico e suposta compra de votos nas eleições de 2008.

 A prefeita ressalta que na Corte Regional tramita um processo que tem conexão com o recurso apresentado por seus adversários. Segundo Lanice, o Tribunal Regional violou um direito líquido e certo seu ao manter o andamento do recurso, pois terá que haver nova instrução processual “de um fato já devidamente discutido em outra oportunidade”.

 O ministro Marcelo Ribeiro afirma, em sua decisão, que o TSE já firmou entendimento de que compete ao Tribunal Eleitoral respectivo o exame de mandado de segurança impetrado contra ato de seus integrantes.

 Em outras palavras, Lanice Fereira (PMDB queria cancelar, no TSE, o andamento de um processo no TRE, contudo, os ministros entenderam que tal prerrogativa cabe exclusivamente ao órgão estadual.

UMA GRANDE NOVIDADE

0

 

A empresa A-Sim, que venceu a “curiosa” licitação para realizar o Mossoró Cidade Junina, já antecipou três das atrações do evento:

Forró do Muído

Aviões do Forró e

Saia Rodada.

 

Pegou todo mundo de surpresa. Ninguém, jamais, imaginaria que tais bandas se apresentariam no Mossoró Cidade Junina.

 

Por falar em licitação, perguntei a uma pessoa “lá de dentro” por que a empresa que todos esperavam não venceu a licitação. A resposta da fonte foi enigmática:

 

Problemas de percentagem.

 

Ah! sim.

TIO COLORAU ENTERTAINMENT

0

 

 

 

O drama O Poeta **** (2007) traz a história de um soldado alemão que na segunda-guerra mundial se apaixona pela filha de um rabino. A película mostra a dificuldade de se manter um relacionamento às escondidas, mesmo quando há intensa paixão. O casal luta até o fim para manter a união, apesar de todas as adversidades. Uma sugestão do amigo e advogado Lindemberg Lima.

 

No suspense Enquanto Ela Está Fora **** (2008), a cliente de um shopping coloca uma reclamação escrita num bilhete no pára-brisa do carro de um outro cliente que ocupou duas vagas no estacionamento. Tal atitude mudará completamente aquela noite de natal.

 

A comédia Nota 10 em Confusão **** (2003) traz uma série de mal-entendidos que ocorrem numa república de estudantes universitários. Tudo começa quando uma inter-cambista francesa é confundida com uma prostituta e vice-versa.  

QUEDA DO FPM COMO DESCULPA

0

 

Diante da grita dos prefeitos, motivada sobretudo pela queda do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o presidente Lula da Silva orientou os gestores públicos a cortarem gastos não essenciais.

 O presidente está certíssimo.

 

 

Em muitas cidades os administradores se alicerçam na queda do FPM para justificar a não prestação de serviços básicos de saúde e educação, contudo, as secretarias estão repletas de cargos comissionados. É gente batendo em gente. Os cortes deveriam alcançar estes gastos, mas preferem que o povo morra nas calçadas, por falta de assistência médica, a exonerar os apadrinhados.

DOIS HOMICÍDIOS NO FERIADO DA SEMANA SANTA

0

O Itep registrou dois homicídios em Mossoró no feriado da Semana Santa, elevando para 32 o número de homicídios na cidade apenas em 2009.

 A primeira vítima, de número 31, foi Jaklenilson Cristiano Limeira de Oliveira, 27 anos, assassinado por desconhecidos no interior de sua residência, na rua Pe. Elesbão, 03, aqui no bairro Boa Vista. Crime ocorrido por volta das 23h da quinta-feira, dia 09. 

Jaklenilson Oliveira era proprietário de um comércio nas proximidades da Conab, chamado “O Rei da Cebola”. Os vizinhos o tinham como uma pessoa respeitadora, pacata e, sobretudo, muito trabalhadora. Sua morte é um total mistério.

 A segunda vítima foi Ranieri Feitosa de Souza, 26 anos, assassinado no bairro Ouro Negro, por volta das 17h de ontem, dia 12.

 Errata: Na semana passada informei neste espaço que teriam ocorrido SETE homicídios no último fim de semana. Na realidade, foram SEIS homicídios, pois Antônio Fabrício foi assassinado por um disparo acidental causado por ele mesmo. O erro foi apontado pelo radialista Horlando Perez, do programa policial RPC Patrulha.

Assim, suprimi um homicídio no contador, deixando em 30 o número de vítimas, elevando para 32 em decorrência dos dois homicídios acima citados.

LAGOA NOVA (RN) ATRAI MUITOS TURISTAS

3

 

O feriado da Semana Santa levou muita gente à cidade serrana de Lagoa Nova (RN), distante 27 quilômetros de Currais Novos (RN). Todos querendo desfrutar do clima agradável, do aconchego e da vida interiorana da cidade.

Vejam notas publicadas pelo blogueiro Val Araújo (http://blogdaserra.zip.net/), que atualiza seu blog direto da serra.

Várias personalidades do mundo político do Estado também estão em Lagoa Nova na Semana Santa. O ex- deputado, ex-secretário de turismo e atual presidente da POTIGÁS, Nelson Freire, acompanhado de sua esposa e família, curtem a semana santa na pousada Chalés dos Cajueiros. Além de Nelson Freire, outro ex-secretário estadual está de mala e cuia na pousada Chalés dos Cajueiros. Gilson Marcelino que foi secretário estadual de saúde na gestão de Garibaldi Filho descansa ao lado da família inteira.

E por falar em Serra de Santana, a turistada está superlotando as casas de campo, pousada e condomínios serranos da cidade de Lagoa Nova nesta semana santa. Os belos e aconchegantes espaços da Pousada Chalés dos Cajueiros estão cheios desde a última quinta-feira. O público alvo é composto por gente da mais alta classe da sociedade do estado. São médicos de renome, deputados, grandes empresários e gente de tudo quanto é canto do nosso RN, todos alojados na bela pousada de Lagoa Nova. Já os condomínios Portal da Serra, Paraíso Serrano, entre muitos outros, não há mais lugar para ninguém. Está o mundo todo na serra.

 

Nota do blog: De fato, o condomínio Portal da Serra, onde fiquei, estava completamente lotado. Havia até uma família que veio de Mato Grosso do Sul para descansar na aconchegante serra. Em todas as casas, muitas famílias reunidas.

Nota do blog II: O deputado estadual Nélter Queiroz também é freqüentador assíduo da serra, tendo inclusive uma casa num dos condomínios rurais da cidade.

MORRE ZÉ PORQUINHO

0

 

 

Faleceu hoje pela manhã, em Mossoró, o comerciante Zé Porquinho, proprietário de um bar/restaurante que leva seu nome, localizado no bairro Boa Vista.

Há vários meses enfermo, Zé Porquinho costumava não seguir as orientações médicas nem ouvia os conselhos de seus fregueses e amigos.

Seu pai, o também comerciante Severino Caçador, morreu há aproximadamente um mês, na cidade de Severiano Melo, o que, de certa forma, agravou o estado de saúde do conhecido Zé Porquinho.

O corpo está sendo velado no seu restaurante, localizado a rua Professor Manoel João, Boa Vista. Um pedido do próprio comerciante.

Sempre irreverente, Zé Porquinho cativava os fregueses com sua “brutalidade”, que mais fazia os clientes sorrir do que sentir raiva.

 Parte para o descanso eterno aos 57 anos.

VOLTEI…

0

Desde a última quinta-feira este despretensioso espaço não é atualizado. Raramente tal ocorre, no entanto, nestes dias não tive acesso à internet e nem mesmo a qualquer outra forma de mídia. Recolhi-me na zona rural da aprazível cidade serrana de Lagoa Nova (RN), onde passei dias com minha família, desconectado do mundo por opção.

Para passar o tempo, apenas livros, revistas, filmes, conversas e passeios entre fruteiras.

De quando em vez éramos presenteados com agradáveis chuvas, que deixavam o ambiente ainda mais aconchegante.

Na vinda, hoje pela manhã, muita chuva entre Assú e Mossoró.

Sigo agora para alguns minutos de descanso, em seguida tomarei rumo para assistir ao clássico Flamengo x Fluminense.

RN PODERÁ SER PRÓXIMO ALVO DA FEDERAL

0

 

A prisão do empresário cearense Júnior Evangelista da Silva Júnior, que atua no ramo de vaquejada no Ceará e é apontado pela Polícia Federal como um dos principais fornecedores de cocaína em alguns Estados do Nordeste, pode resultar em novas prisões no Rio Grande do Norte. A prisão dele é o desfecho da Operação Atalaia, realizada pela PF de Boa Vista (RR), onde mais de 30 pessoas foram presas. Júnior é noivo da colunista social e modelo mossoroense Lílian Moura.
Júnior Evangelista foi preso pela Polícia Federal de Roraima na manhã de sexta-feira da semana passada, 3, quando saía de sua residência, que fica em um bairro nobre da capital cearense. A prisão dele foi decretada pelo juiz Jarbas Vasconcelos de Miranda, responsável pela Vara Criminal da Comarca de Boa Vista, devido às investigações realizadas durante a Operação Atalaia, deflagrada no dia 13 de março deste ano. Naquela ocasião, os agentes federais cumpriram 27 mandados de prisão preventiva e 12 de busca e apreensão nos estados de Roraima, Amazonas e Ceará.
Por enquanto, a Polícia Federal prefere não revelar muitos detalhes sobre os próximos passos da investigação, mas a ligação que o empresário Júnior Evangelista tinha com o Rio Grande do Norte pode ser um indício de que o Estado também era abastecido através do esquema de compra e vendas de cocaína que ele supostamente comandava a partir de Fortaleza, no Ceará. “Conforme apurado pelas investigações, Evangelista era um dos fortes distribuidores da droga para o nordeste brasileiro”, destaca a PF de Roraima através da assessoria.
De acordo com matéria publicada no Jornal Folha de Boa Vista (RR), a investigação que resultou no desmantelamento de uma numerosa quadrilha interestadual foi iniciada há cerca de sete meses, quando 12 pessoas foram presas em flagrante durante uma outra operação, o que resultou na apreensão de 93kg de cocaína. As investigações continuaram desde aquela época, até que foi identificada a ligação entre grupos de traficantes que agiam pelo menos em três Estados (RR, AM e CE). Com relação ao RN, a investigação ainda está em andamento.

Empresários atuavam como financiadores do crime
Em matéria publicada no Jornal Folha de Boa Vista, logo após a Operação Atalaia, o superintendente da Polícia Federal de Roraima, José Maria Fonseca, afirmou que a maioria dos presos era empresário e todos atuavam como financiadores do tráfico interestadual de entorpecentes.
Segundo José Maria Fonseca, os demais operavam no transporte da droga. Estes são mais conhecidos como “mulas”, responsáveis em preparar os veículos que carregavam as drogas, enquanto os “intermediários” recebiam o entorpecente e o reembarcavam para o Ceará.
Fonseca disse ainda que as empresas de propriedade dos acusados serviam para lavar o dinheiro que era adquirido através do tráfico de drogas, além de financiar a compra.
Durante o cumprimento das determinações judiciais, a PF chegou a apreender 20 carros de luxo e 10 motocicletas. Todos os bens, segundo a Polícia Federal, seriam oriundos do tráfico de drogas.

Nordeste seria um dos principais alvos
As investigações realizadas pela PF mostraram que a organização criminosa era especializada na venda e remessa de cocaína em pelo menos três Estados das regiões Norte e Nordeste do Brasil.
Segundo o superintende da PF em Boa Vista, José Maria Fonseca, a cocaína, de origem colombiana, entrava no Brasil pela fronteira com a Venezuela. Ela era preparada para transporte em Roraima e seguia até o Amazonas. De lá, era enviada para o Nordeste, principalmente para o Ceará.
A PF apurou que, de Roraima, a droga seguia até Manaus por via terrestre. De Manaus, através de voos comerciais, a droga chegava a Fortaleza e parte dela seria distribuída em municípios do interior. Algumas vezes para burlar a vigilância, a droga era enviada de balsa até o Pará e depois seguia novamente via terrestre para Fortaleza.
Conforme Fonseca, o principal destinatário da droga em Fortaleza seria o empresário do ramo de vaquejada Junior Evangelista Silva, que já responde a processos, entre eles, por ser acusado de emitir laudos técnicos para a venda ilegal de pedras preciosas. Na tarde de ontem, Evangelista foi escoltado para Boa Vista.

PF ressalta influência de preso na sociedade
O empresário Ivan Evangelista, ao lado de sua noiva mossoroense, a modelo e colunista social Lílian Moura, são figurinhas carimbadas nas principais colunas sociais do Rio Grande do Norte e Ceará.
As últimas notícias referentes aos noivos eram com relação ao badalado casamento, que foi destaque na maioria das colunas sociais dos dois Estados. Em Mossoró, sua referência maior é devido à relação amorosa com a modelo e também colunista social.
O casal pretendia se casar no próximo mês e a lua-de-mel estava prevista para ocorrer em Dubai, nos Emirados Árabes. Em uma breve pesquisa feita pela reportagem do DE FATO no site do Google, foram encontradas várias colunas sociais onde Júnior Evangelista é referenciado. Numa das publicações, ele é chamado de “quase mossoroense”.
A própria Polícia Federal, através de nota enviada à imprensa sobre a prisão do empresário que atua no ramo de vaquejada, faz questão de destacar sua grande influência na alta sociedade do Ceará, assim como no RN. “Júnior Evangelista transitava com desenvoltura entre a alta sociedade cearense”, diz nota da PF.
Porém, ao invés de Dubai, o empresário encontra-se recolhido na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Roraima, onde a maioria dos outros acusados de participação na quadrilha está recolhida. Ele foi conduzido para o presídio logo após o cumprimento de sua prisão.

Fonte: Jornal deFato