PÍLULAS…PÍLULAS…(14jan)

3
130

Dos atuais 21 vereadores, SEIS ainda estão na oposição, e o número poderá baixar mais. Essa semana o presidente estadual do PR, deputado federal João Maia, se reunirá com o vereador Genivan Vale para decidir a posição do partido em Mossoró. Há sinais de que o PR deverá migrar para a situação. A se confirmar a mudança de lado, os moicanos serão Jório Nogueira, Tomaz Neto, Vingt-un Neto, Luiz Carlos e Lairinho Rosado.

*

I – O governo municipal foi contemplado com dois projetos do PAC Mobilidade. Um deles é a construção de uma via unindo o conjunto Vingt Rosado à BR-304, pelo bairro Dom Jaime Câmara. O outro é o prolongamento da Avenida Rio Branco, a partir da Coelho Neto com destino ao bairro Belo Horizonte. O primeiro tem custo avaliado de R$ 43,5 milhões e o segundo de R$ 10,2 milhões.

*

A folha de pagamento da Câmara Municipal fecha costumeiramente no dia 17. Daqui até lá os vereadores deverão indicar seus assessores.

*

I – A grande imprensa, mais uma vez, pode atrapalhar o deputado federal Henrique Alves (PMDB) em suas pretensões. Desde sexta que órgãos como Veja, Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo trazem matérias revelando falcatruas do deputado potiguar, sobretudo favorecimento pessoal em obras públicas.

*

II – Em 2002, o deputado se preparava para ser o vice de José Serra na corrida presidencial quando a IstoÉ trouxe uma matéria de capa chamando-o de “henriquinho”. A reportagem dizia, com base nas declarações de uma ex-esposa, que o deputado Henrique Alves tinha muito dinheiro em paraísos fiscais. A matéria abateu as pretensões do potiguar, e sua ex-esposa nunca mais falou nada.

*

III – Desta feita, Henrique Alves está em campanha para ser presidente da Câmara dos Deputados, apoiado pela presidente Dilma Rousseff. Resta saber se sua candidatura resistirá a esse tsunami de denúncias.

*

O jornalista Nilo Santos, já falecido, costumava questionar a expressão “grande imprensa”, para se referir aos órgãos de amplitude nacional. Dizia ele que a imprensa era uma só, não existindo grande, média ou pequena. Em relação à credibilidade, concordo que a imprensa é uma só. A Veja é tão parcial quanto as publicações locais. Todavia, em relação à estrutura e a influência, há sim a grande e a pequena imprensa. Não há como comparar um jornal como a Folha de S. Paulo com a Tribuna do Norte. Qualquer denúncia publicada na Folha se torna assunto nacional.

*

I – A disputa para reitor da UERN ainda não começou oficialmente, mas os candidatos já estão em plena campanha. No arregimento de apoios, o professor Pedro Fernandes está na frente. Vários professores e diretores já declararam apoio a sua postulação. O atual reitor da instituição, professor Milton Marques, também defende a candidatura de Pedro Fernandes. “Nossa Universidade ainda é muito jovem e temos muitos desafios. Existem muitos candidatos, mas é preciso escolher o melhor para a UERN. Estamos diante de um jovem doutor que só faz universidade. Temos a necessidade da verticalização para continuar crescendo e encontramos na pessoa de Pedro a capacidade de fazer isso”, declarou o reitor recentemente.

*

II – Outra candidatura já posta é a de Gilton Sampaio, diretor do campus de Pau dos Ferros, que tem como vice o professor Lúcio Ney, do campus de Mossoró. A chapa representa a oposição. No último sábado os dois reuniram simpatizantes da candidatura no hotel Sabino Palace.

*

III – Os registros para os candidatos a reitor e a vice-reitor ocorrem entre os dias 21 e 25 deste mês. A campanha está marcada para começar o dia 18 de fevereiro e deve durar um mês. As eleições serão no dia 20 de março.

3 Comentários

  1. Oposição X Situação… Com raras exceções, não devendo/podendo ou sendo dificultado “arrumar sustento fácil” junto á situação, ser oposição é melhor negocio que ser situação. Vigilância com grande força da imprensa, muita cobrança de toda sorte, grande desgaste… Poucas cobranças, desgaste menor, posição geralmente confortável junto á imprensa, eleição sempre menos disputada em detrimento a dos situacionistas… Em regra, hoje é mais confortável estar oposição.

  2. Bom Bia,
    Sr Erasmo Firmino.

    É publico e notorio a crise interna que o Partido PTdo B está travando com os nossos dois nobres vereadores.

    Eu como filiada e suplente do PT DO B repasso que o Partido PT do B continua na oposição,então cabe ao partido e aos dois suplentes fiscalizar o mandato dos nossos dois nobres vereadores.

    Os mesmos enviaram um oficio para a presidencia do partido afirmando que continuam na oposição.

    Vamos aguardar os acontecimentos futuros para ver que lado realmente esses nobres vereadores que foram eleitos na bancada da oposição
    É aguardar para ver.

  3. Prazer, caro Tio Colorau, e sendo o primeiro contato, peço licença apenas saber das posições dos vereadores de Mossoró.
    Como é que é, o cacique João Maia vem definir a posição do valoroso PR. Eu pensava que o PR tinha apoiado Claudia REgina, ao contrário de Genivan. Agora, estão invertidas as posições: O PR vai decidir, significa que Genivan já é ou será. Como diria o filósofo político, ou seja, não tem dificuldades. Certo. Segue. Chico José e Jório, quem sabe cheque até Lairinho,,,,]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome