20 abril, 2017 – 06:41 am

PÍLULAS…PÍLULAS…(20abr)

Reunião, Katia Pinto, DNIT e PRF

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (19) na Unidade Local do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), em Mossoró, foram definidos os locais para construção de três passarelas no Complexo Viário da Abolição, na BR-304. A decisão foi tomada em conjunto pela Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM), DNIT e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A reunião contou com participação da secretária municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, Kátia Pinto, chefe da Unidade Local do DNIT, Gustavo Almeida Filho, e o chefe da 4ª Delegacia da PRF/15ª SRPRF, Ygor Victorhugo Bezerra Cavalcante.

Em comum acordo, ficou definido que a primeira passarela tem como ponto de referência à Rua Dr. João Marcelino, a segunda o Terminal Rodoviário e a terceira as imediações dos bairros Alto do Sumaré e Dom Jaime Câmara.

“O adensamento habitacional na região tem crescido de forma acelerada principalmente após a ampliação da referida rodovia. A presença de equipamentos públicos como, escolas, creches, postos de saúde, central do cidadão, rodoviária, Detran, entre outros, acaba gerando um fluxo de pedestres intenso em busca de tais serviços, que muitas vezes gera a necessidade de travessia principalmente nos pontos estabelecidos para receber as passarelas”, argumentou Kátia Pinto.

Os representantes da PMM, DNIT e PRF concordaram que de fato os três pontos pressupostos representam a necessidade das demandas de transeuntes que residem ou trabalham no entorno dos locais analisados e definidos.

*

Do povo, esses desgraçados que estão no Congresso Nacional só querem o voto. As delações dos ex-diretores da Odebrecht, sobretudo a do ex-presidente, Marcelo Odebrecht, revelaram o que todo mundo já sabia: O combustível que move o Congresso Nacional é a propina. Deputados e senadores têm suas consciências compradas cotidianamente.

Quando vemos deputados e senadores contra o povo, como é o caso presente das reformas Trabalhista e Previdenciária, é fácil deduzir que há alguém poderoso e rico por trás comprando-os. A mesma regra fétida e nauseante se estende aos legislativos estaduais e municipais.

Nossos representantes sempre estarão a postos para representar o interesse do rico e poderoso que lhe der propina, jamais para representar os interesses de quem os elegeu. A realidade é essa, indubitavelmente.

As regras da boa ética exigem que jamais devemos generalizar. Então, para não dizer que não segui a regra, digo-lhes: há exceções.

*

Ao ouvir uma entrevista do atual presidente da PREVI-Mossoró, o economista Elviro do Carmo Rebouças, percebi que a situação do instituto previdenciário municipal não é assim tão calamitosa. O diretor-presidente disse que a prefeitura tem uma dívida total de R$ 29 milhões com o instituto, e que o dinheiro em caixa está na casa dos R$ 50 milhões. Disse ainda que a despesa média, por mês, com pensões e aposentadorias é de R$ 1,7 milhão. O único dado que faltou foi acerca da receita mensal, mas, sem dúvida, é bem superior a despesa.

Desta forma, os atuais e futuros aposentados e pensionistas da prefeitura de Mossoró podem dormir tranquilos.

*

O prefeito de São Paulo (SP), João Dória (PSDB), está catapultando sua candidatura à presidência da República em cima da desgraça do seu mentor, o governador Geraldo Alckmin, envolvido na Lava-Jato. Muy amigo!

*

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) ajuizou nesta quarta-feira, 19 de abril, Dia do Índio, duas ações civis públicas contra a Fundação Nacional do Índio (Funai) e contra a União. As ações, com pedido de urgência, foram interposta tendo em vista a morosidade dos órgãos em iniciar e concluir os procedimentos necessários à regularização fundiária das Comunidades Tapuia Tapará, em Macaíba, e Eleotérios do Catu, situada nos municípios de Goianinha e Canguaretama. Em relação à Comunidade Sagi Trabanda, o MPF enviou uma recomendação ao órgão.

De acordo com o MPF/RN, mesmo tendo conhecimento da existência das referidas comunidades, a Funai não deu início ao procedimento de regularização fundiária, nem a União incluiu previsão orçamentária no Plano Plurianual 2016-2019 para a constituição de grupo técnico multidisciplinar encarregado de realizar os estudos pertinentes. As ações visam a obtenção de decisões judiciais que determinem às rés que inciem e ultimem, em tempo hábil, os procedimentos administrativos de identificação e delimitação das áreas de ocupação tradicional indígena das duas comunidades.

*

A deputada estadual Larissa Rosado (PSB) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa solicitando ao Governo do Estado, a implantação de cursos profissionalizantes para população jovem entre 15 e 29 anos em áreas periféricas de Mossoró, como mecanismo de inclusão social.

A parlamentar acredita que o investimento em planos e ações direcionadas a proteger, capacitar e gerar oportunidades para a juventude é um dever e necessidade do poder público e da sociedade civil.

Larissa requereu ainda, o aumento do efetivo policial da cidade de Upanema. Segundo a deputada, o município conta com apenas dois policiais em atividade, quando sua população é de 14.448 habitantes (IBGE, 2016), sendo necessários 14 para que se atingisse a escala ideal de um policial para cada mil habitantes.

*

A Câmara Municipal de Mossoró iniciou a apreciação do Projeto de Lei do Executivo nº 1191/2017 que dispõe sobre as diretrizes para a elaboração e execução da Lei Orçamentária Anual do Município para o exercício de 2018, na sessão ordinária desta quarta-feira, 19. Em plenário, foi realizada a leitura na íntegra do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), cumprindo o cronograma aprovado pelos vereadores na sessão de terça-feira (18).

Os parlamentares terão até o dia 5 de maio para apresentar à Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade emendas ao Projeto de Lei e, na sessão ordinária do dia 9 de maio, ocorrerá a leitura em plenário dessas emendas. O prazo final para a Comissão proferir decisão sobre as emendas e o parecer ao projeto ficou definido para 29 de maio, com a leitura da decisão e primeira votação pelos vereadores para o dia seguinte, 30. A segunda votação do Projeto da LDO será em 07 de junho. Todo o cronograma segue normas regimentais da Casa Legislativa.

Categoria:PÍLULAS
19 abril, 2017 – 07:31 am

PÍLULAS…PÍLULAS…(19abr)

DSC_0179

O vereador Genilson Alves (PMN) cobrou o pagamento dos salários atrasados das empresas terceirizadas que prestam serviços à Prefeitura de Mossoró, durante a sessão desta terça-feira (18/04), na Câmara Municipal de Mossoró.

 De acordo com o vereador, uma comissão de funcionários das empresas que prestam serviços ao município o procurou para pedir apoio. “Eu vim usar a tribuna hoje porque ontem uma comissão de terceirizados veio a minha casa, pessoas que não tiveram a oportunidade de comprar um ovo da páscoa para seus filhos, de garantir o peixe da Semana Santa. Muitos desses terceirizados, inclusive, moram de aluguel e não têm condições de pagar essa despesa.”.

 *

No próximo dia 05 de maio, a corregedora geral de Justiça, desembargadora Maria Zeneide, estará à frente de uma audiência pública a ser realizada na sala do Tribunal do Júri da comarca de Portalegre. O objetivo do evento é ouvir a opinião da população acerca do trabalho do Judiciário. Maiores informações podem ser obtidas no fórum daquela comarca.

*

A vereadora Wilma de Faria formalizou esta semana o pedido de afastamento temporário das funções na Câmara Municipal do Natal para dar continuidade ao tratamento de saúde ao qual tem sido submetida nos últimos meses.

No último dia 10, a ex-governadora passou por um procedimento cirúrgico simples no Hospital do Coração e, a partir de agora, iniciará uma nova fase do tratamento.

Wilma tem se recuperado bem e deverá retornar em breve às suas atividades na Câmara Municipal do Natal.

*

Não estou entendendo essa de o juiz Sérgio Moro exigir que o ex-presidente Lula da Silva esteja presente em todas as audiências de oitivas de testemunhas. A legislação penal reza que a participação do réu em audiências de oitivas de testemunhas é um direito, não uma obrigação, ou seja, ela vai se quiser. Nem no Tribunal do Júri a presença do réu é obrigatória.

É, parece que o magistrado em tela tem seu próprio Código de Processo Penal.

*

O ex-presidente Lula da Silva é réu em cinco processos dentro da Lava-Jato. Responde pelos crimes de lavagem de dinheiro (211 vezes), corrupção passiva (17 vezes), tráfico de influência (04 vezes), além de organização criminosa e obstrução da Justiça.

Pela legislação penal, o réu pode nomear até OITO testemunhas por cada fato. Assim, só para responder pelo crime de lavagem de dinheiro ele poderá indicar 1.688 testemunhas (211 x 8).

Olhando por este ângulo, indicar 80 testemunhas não é nenhum absurdo.

*

Estreará domingo, dia 23, às 22h, no canal National Geographic, a série Genius. A Vida de Einstein. Como o nome sugere, a série conta a trajetória do maior cientista de todos os tempos, o físico alemão Albert Einstein (1879-1955).

*

A revista Veja desta semana traz um depoimento, em primeira pessoa, da maquiadora Juliana de Pádua Lacerda (30), que se casará no próximo mês com o ex-ator Guilherme de Pádua, que assassinou, em 1992, a então colega Daniella Perez, com golpes de tesouradas.

Juliana diz que está convicta de sua decisão, e que foi ela que lutou para que os dois se casassem. “Aquele Guilherme não existe mais”, relata. Diz que houve certa resistência por parte de sua família, mas logo cederam ao conhecer seu companheiro, um homem “inteligente, simpático e cheio de carisma”.

*

Através da Portaria nº 657/2017, o juiz substituto da comarca de Governador Dix-sept Rosado, Evaldo Dantas Segundo, foi designado para jurisdicionar cumulativamente na Vara Cível da Comarca de Macau, por um período de 90 dias. Assim, o magistrado dividirá seu tempo entre as duas comarcas, não ficando mais exclusivamente em sua comarca de origem, como vinha fazendo, cumprindo expediente de segunda a sexta, manhã e tarde.

*

No próximo domingo os franceses irão às urnas escolher seu novo presidente. A disputa está embolada. Todos os quatro candidatos têm chances de ir pro segundo-turno. O extremista de Esquerda Jean-Luc Mélenchon (18,6%); a extremista de Direita Marine Le Pen (23,5%); o centrista Emannuel Macron (22,5%) e o direitista François Fillon (19%). Um terço do eleitorado ainda se diz indeciso. Fortes emoções.

*

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) definiu nesta terça-feira (18) as novas tarifas da Cosern. O índice médio de reajuste para o consumidor foi de 3,38%.  As novas tarifas entrarão em vigor para os 1,4 milhões de clientes da concessionária no próximo dia 22 de abril, mas o consumidor só irá perceber essa variação, de forma mais significativa, nas faturas recebidas a partir de maio.

 Os consumidores atendidos em Baixa Tensão, que representam 99% dos clientes da empresa e incluem os clientes residenciais, terão um aumento médio de 3,08%. Já os consumidores Industriais e Comerciais de médio e grande porte, atendidos em Alta Tensão, terão reajuste de 4,07%, em média.

*

A menina rebelde, filha de um construtor ligado ao governo militar, se apaixona pelo mocinho de ideias revolucionárias. No meio da história, um noivo almofadinha que tem a simpatia do pai. Mais clichê impossível. Este é o roteiro de “Os Dias Eram Assim”, série da TV Globo que estreou na última segunda-feira.

Para piorar, o ator que interpreta o mocinho idealista, Renato Góes, passa longe de ser um Cássio Gabus Mendes (Anos Rebeldes, 1992); de igual modo, a atriz que interpreta a mocinha, Sophie Charlotte, não amarra nem a chuteira de Malu Mader (Anos Rebeldes, 1992).

Além do roteiro batido, a “nova safra” de atores da TV Globo não empolga.

Categoria:PÍLULAS
18 abril, 2017 – 07:25 am

PÍLULAS…PÍLULAS…(18abr)

adsc_9598

O secretário estadual de Segurança, Caio Bezerra, entregou ontem seu cargo ao governador Robinson Faria. É o terceiro a deixar a pasta. Antes dele, Kalina Leite e Ronaldo Lundgren também já tinham ficado a frente da secretaria.

O delegado Caio Bezerra alegou motivos pessoais para deixar o cargo. Na coletiva que deu a imprensa, enalteceu os investimentos que vêm sendo feitos no setor, e colocou a culpa da crescente criminalidade na crise econômica.

O governador ainda não anunciou um novo nome para comandar a segurança pública no estado.

*

No último domingo, acompanhei a saída de torcedores do Potiguar para o jogo em Natal. Um fato me chamou à atenção. Dos quase cinquenta alvirrubros que vi em destino à capital, apenas um estava com o filho. Isso é reflexo da falta de segurança que assola nosso estado, e também das constantes brigas envolvendo torcidas. Muitos até queriam levar os filhos, mas temem pela integridade física deles.

*

IMG-20170416-WA0071

O cemitério Novo Tempo, também conhecido como cemitério novo, local de sepultamento do ex-prefeito Dix-huit Rosado, está tomado pelo mato. Alguns túmulos se tornaram praticamente inacessíveis, ante a quantidade de mato em seu entorno. A situação é inédita. Nunca havia acontecido de o cemitério ficar em estado de abandono pela gestão municipal.

E, infelizmente, ter sido tomado pelo mato não é um “privilégio” do cemitério novo. Os canteiros no Planalto 13 de Maio apresentam o mesmo problema, com mato que já alcança 1m de altura. Neste caso, somado ao lixo. O aspecto é de abandono total.

*

Ontem, foi divulgado à larga, que a empresa de painéis solares visitada pelo governador Robinson Faria em fevereiro, na China, tinha optado por instalar sua sede no vizinho estado do Ceará. A informação não procede. A empresa visitada pelo governador foi a Chint, e a que anunciou sede no Ceará foi a Sunlight Energy Brasil, empresa cearense que tem parceria com a chinesa Hareon Solar.

*

Para aprovar a Reforma da Previdência na Câmara dos Deputados são necessários 308 votos, em dois turnos. Sondagens apontam que apenas 251 parlamentarem são favoráveis às mudanças. Assim, se fosse colocado em votação hoje, o projeto não passaria. Por isso as concessões feitas pelo presidente Michel Temer ultimamente. O pensamento é: Se não pode aprovar a reforma como ela é, que seja aprovado o que for possível.

De forma geral, o povo brasileiro sabe da necessidade de se alterar as regras previdenciárias, isso para garantir a aposentadoria de quem está começando a trabalhar agora. O problema é que o cidadão vê o esforço partindo unicamente dele, enquanto isso os políticos mantém suas regalias. Para potencializar a ira, um sem-número de caciques políticos está envolvido até a medula em casos de corrupção.

É difícil para o cidadão comum ver-se sacrificado enquanto o noticiário diz que o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, desviou a fábula de R$ 300 milhões dos cofres públicos.

*

Resumindo os conceitos de direita e esquerda da forma mais simples possível: Esquerda: a busca pela igualdade social se sobrepõe ao mérito pessoal; Direita: o mérito pessoal se sobrepõe a igualdade social.

*

????????????????????????????????????

A prefeita Rosalba Ciarlini participou de reunião na manhã desta segunda (17) com a gerência da Caixa Econômica Federal. Na ocasião foi apresentado o novo gerente geral da unidade em Mossoró, Julierme Torres.

O encontro contou ainda com as presenças do superintendente regional, Carlos Antônio de Araújo, do gerente Arthemis Luiz, que está transferindo o cargo, além dos secretários Ronaldo Cruz (Administração e Finanças), Lorena Ciarlini (Desenvolvimento Social), Kátia Pinto ( Infraestrutura) e Aglair Abreu (Comunicação Social).

Foram discutidas parcerias nas áreas de habitação e infraestrutura, a partir do apoio da Caixa.

*

O município de Touros recebe o 3º Encontro da Rede Sustentabilidade nesta terça-feira. O evento político, que será realizado na Câmara Municipal a partir das 18h, serve como preparativo para a II Conferência Estadual da Rede, que acontece nos dias 12 e 13 de maio, em Natal, com a presença de Heloísa Helena.

Freitas Jr, Porta Voz da Rede no Estado, confirmou presença no evento em Touros. Segundo ele, é importante reunir os filiados para discutir assuntos pertinentes como organização partidária e análise da conjuntura política estadual e nacional.

“Estaremos indo em todas as regiões do estado, debatendo as reformas do governo federal, a necessidade de novas eleições e o fortalecimento do partido no nosso estado”, ratificou o Porta Voz da Rede.

*

Divulgação:

image001

Categoria:PÍLULAS
17 abril, 2017 – 12:47 pm

SURGE UMA NOVA CLASSE SOCIAL NO BRASIL, OS BATALHADORES LIBERAIS.

credito-profissional-liberal

A Fundação Perseu Abramo, ligada ao Partido dos Trabalhadores, fez uma ampla pesquisa na periferia de São Paulo a fim de descobrir os motivos que fizeram os pobres a não votarem mais na sigla.

As respostas revelaram que surgiu uma nova classe no Brasil, a de batalhadores liberais, pessoas que querem emergir na vida pelo esforço próprio, pelo empreendedorismo, pelo trabalho. Elas mostram que estão enojadas da política e dos políticos, que querem dissociar o máximo possível suas vidas do Estado. Querem trabalhar para colocar os filhos em escolas particulares e conseguir pagar um plano de saúde para a família. Cansaram de esperar que o Estado se endireitasse, nos dois sentidos da palavra.

Os batalhadores liberais só querem do Estado que este reduza a quantidade de tributos e que desburocratize o mercado, a fim de facilitar a abertura de novos negócios.

A pesquisa focou na figura caricata do “pobre de direita”, e descobriu, ao contrário do que se propaga, que pobre pode sim ter ideias de direita, como o liberalismo, o sucesso pelo esforço próprio, a mínima dependência do Estado. O mundo está cheio de exemplos de pobres que ascenderam na vida em razão de seu esforço. Temos um aqui bem pertinho, o empresário Sebastião Couto, o Tião da Prest.

O fato de ter nascido pobre não obriga a pessoa a ser para sempre um dependente estatal. A pesquisa apontou que o sonho do pobre não é mais “passar num concurso público”, mas sim obter sucesso no setor privado.

Esta visão é reflexo do total descrédito da população com os representantes estatais, sobretudo os governantes, quase todos envolvidos em maracutaias. O povo quer viver à margem do Estado e dos políticos.

Amanhã, representantes da Fundação Perseu Abramo, da Fundação Fernando Henrique Cardoso e da Fundação Teotônio Vilella, todas mais alinhadas à Esquerda, irão debater o resultado da pesquisa, a fim de procurar um norte para o ressurgimento da Esquerda no país.

Quem quiser se aprofundar mais nesta questão sugiro a edição da semana passada da revista Época, que trouxe extensa matéria analisando os dados da pesquisa, além de uma entrevista com o professor Mangabeira Unger dentro deste tema.

15 abril, 2017 – 11:41 am

PROMESSA DE DIMINUIR CARGOS COMISSIONADOS NÃO FOI CUMPRIDA

cartum cabide de empregos

Do blog do jornalista Carlos Santos.

Em pouco mais de 100 dias de gestão, a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) toma nova decisão administrativa que mexe outra vez com a estrutura de cargos comissionados na Prefeitura Municipal de Mossoró. Deve afetar, para cima, os gastos do erário.

É um paradoxo em tempos bicudos choramingados pelo próprio governismo. Ela edita novo dispositivo que altera o decreto de número 5.025/2017, publicado no início do governo em janeiro. Nele, o total de comissionados era limitado “em até 50% dos cargos em comissão previstos em lei”.

Em vez de reduzir despesas em meio à crise, esse novo decreto é um atalho à decisão anterior e amplia espaços para mais e mais contratações sem concurso, privilegiando aliados políticos. A manobra, “legal”, tem razão de ser na política e não nos princípios da administração pública.

Atende às pressões de partidos que a apoiaram na campanha eleitoral do ano passado, além de sua numerosa bancada na Câmara Municipal, que também dá sinais de insatisfação.

O decreto 5.025/2017 de seu governo, editado ainda no início da gestão em janeiro (veja AQUI), já foi burlado pela própria prefeita que nomeou para postos comissionados um número maior de pessoas que essa normatização estabelecia. Enfim, é “letra morta”.

Além da conta – No novo decreto baixado esta semana, “os cargos de diretor e vice-diretor de escolas para as unidades de maior porte, que funcionam em dois turnos, e diretor de Unidades de Saúde” ficam de fora da exigência de nomeação de no máximo 50% dos cargos comissionados previstos em lei.

O art. 11 do Decreto N. 5.025/2017 de janeiro determinava que o secretário municipal de Administração e Finanças fizesse um estudo acerca do quadro de pessoal, e que, durante esse estudo, não fosse nomeado mais de 50% dos cargos em comissão previstos em lei. Esse ‘estudo’ parece infindável.

A Lei Complementar 105/2014, de 4 de julho de 2014 (gestão Francisco José Júnior-PSD) estabeleceu total de 735 cargos para a estrutura administrativa da Prefeitura de Mossoró. A lei foi publicada no Jornal Oficial do Município (JOM), edição 260. Segue em vigor, não foi revogada.

Pelo decreto de janeiro de Rosalba, ela só poderia ter nomeado no máximo 367,5 pessoas à ocupação de cargos comissionados. Porém os números passam até agora de 400 (veja postagem a seguir), que devem ser engordados ainda mais como suas novas medidas, como a recriação da Secretaria Municipal de Cultura.

Enfim, o céu é o limite. Enquanto a “viúva” (apelido sarcástico dado ao cofre público) aguentar.

PITACO DO TIO – Desde o início eu sabia que a promessa não seria cumprida. Em breve estarão preenchidos todos os 735 cargos previstos na legislação. A nomeação de cargos é o “cá” do “toma lá dá cá”.

Categoria:SATÉLITE
14 abril, 2017 – 08:21 am

PREFEITA NOMEIA MAIS 16 CARGOS COMISSIONADOS

cargos-comissionados

O Jornal Oficial do Município (JOM), edições 401, 402 e 403, trouxe as nomeações de mais 16 cargos comissionados para a prefeitura municipal de Mossoró. A maioria para a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos. Vejam a lista:

JOM – 401 – 31/03

 408 – João Batista Chaves, Previ-Mossoró; e

409 – Clauderlândia Brazão Viana, comunicação social.

JOM – 402 – 07/04

410 – Luiz Eduardo Lima Moura Falcão, secretário de cultura.

JOM – 403 – 12/04

407 – José Alcântara da Silva, educação e cultura;

408 – Letícia de Moura Felix, desenvolvimento social;

409 – Pablo Arnon de Oliveira, infraestrutura e meio ambiente;

410 – Antonio Roberto Nogueira da Rocha, infraestrutura e meio ambiente;

411 – Ronaldo Clélio de Melo Freire, fazenda;

412 – Arthur Guilherme Silva Ferreira de Souza, fazenda;

413 – Maria Consuelo de Souza Batista, educação e cultura;

414 – Diogo Pereira de Aquino, administração e finanças;

415 – Wellington Costa de Oliveira, infraestrutura e meio ambiente;

416 – Franklin Robson da Costa, infraestrutura e meio ambiente;

417 – Francisco Benedito da Silva, infraestrutura e meio ambiente;

418 – Isis Karinne Fonseca Dantas, procuradoria; e

419 – Ananias Felix da Silva Júnior, desenvolvimento econômico.

OBS. Foram subtraídos três números da lista, isso em virtude de exonerações publicadas na edição 403.

Até hoje, dia 14 de abril, foram nomeados 419 (quatrocentos e dezenove) cargos comissionados do segundo e terceiro escalões.

Somados os 19 secretários, o número de cargos comissionados chega a 438 (quatrocentos e trinta e oito).

13 abril, 2017 – 07:30 am

PÍLULAS…PÍLULAS…(13abr)

LISTA_fachin

Até agora, nenhum político assumiu ter recebido dinheiro da Odebrecht, até porque não existe a espécime político-corrupto-confesso. Todos negam veementemente as acusações que lhe pesam, mesmo quando há provas robustas e condenações. É o chamado “morrer negando”, apesar das provas.

Ante a publicação da lista de Fachin, na terça-feira, os envolvidos trataram logo de dizer que “nunca receberam dinheiro” da Odebrecht, que vão provar a inocência na Justiça e patati-patatá.

Neste quadro, vale destacar o que o procurador Deltan Dallagnol disse ontem ao jornalista Valdo Cruz, da Globo News. Dallagnol afirmou que, até hoje, tudo o que os delatores disseram foi confirmado com provas. A força tarefa da Lava-Jato nunca pegou um delator na mentira.

*

Não subestimem nunca o poder das redes sociais. O caso da figurinista Susllem Tonani, assediada pelo ator José Mayer, é um deles. Não é de agora que o ator global assediava a figurinista. Há oito meses, o caso foi relatado pela própria à rede Globo, que nada fez. Os assédios continuaram. Como a Globo manteve-se omissa, a figurinista decidiu escancarar o assunto. Relatou os fatos a um blog, e daí o assunto tomou de conta das redes sociais.

Até então omissa, a rede Globo decidiu suspender o ator por tempo indeterminado. Nada disso teria acontecido se não houvesse pressão das redes sociais.

*

Pra quem se interessa por polêmicas envolvendo a igreja católica, corra à livraria e compre o recém-lançado “A Primeira Pedra, Eu Padre Gay”, obra biográfica escrita pelo ex-padre polonês Krzysztof Charamsa. Em 2015, o padre decidiu revelar sua homossexualidade através do jornal “Corriere Della Sera”. Não se tratava de um sacerdote qualquer, ele fazia parte da alta cúpula da igreja, inclusive era integrante da Congregação para Doutrina da Fé, braço extremamente conservador da igreja.

Com a revelação, o padre esperava a compreensão e ajuda da igreja católica, mas ocorreu o inverso. Ressentido, ele escreveu este livro para apontar as contradições da igreja. Entre outras coisas, revela-se decepcionado com o Papa Francisco, diz que a abstinência sexual é desumana e que a metade do clero católico é gay. Eita…

*

download (1)

Já brilha na blogosfera o novo espaço de informação, análise e interação de Mossoró, o Blog da Chris, assinado pela advogada e arquiteta Christianne Alves, filha do professor Anchieta Alves, por aí vocês tirem como o espaço deverá trazer boas análises políticas e muitas notícias em primeira mão. O blogdachris.com se propõe a açambarcar não só o mundo político, mas também quer enveredar por outras áreas, como entretenimento e eventos sociais. O blog vem para enriquecer o espaço cibernético mossoroense. Acessem.

*

20170412_184551

A nova estrutura do Multicine Cinemas, no Partage Shopping, já está funcionando. As mudanças ocorreram sobretudo no rol de acesso às salas, onde foram instalados três pontos de autoatendimento, para compra de senhas, além da modernização dos painéis onde são exibidos os filmes em cartaz.

*

O filme A Cabana, em cartaz no Multicine Cinemas, é mais uma produção dentro da onda de filmes com temática cristã, a exemplo de Deus Não Está Morto e À Prova de Fogo. Na película, um homem atormentado pela morte da filha é convidado a passar o final de semana numa cabana, onde aprende, diante dos ensinamentos de Deus (literalmente), a conviver com a perda.

Um dos pontos negativos do filme é a interpretação do ator principal, Sam Worthington, que não consegue passar emoção. A feição é praticamente a mesma, estando alegre ou triste, com raiva ou sereno, uma espécie de Cigano Igor. As 2h13 de duração também pesam um pouco.

*

Encerrada ontem a última rodada do segundo turno do Campeonato Estadual, o Potiguar conseguiu uma vaga na final. Disputará o título do turno com o ABC, em dois jogos, ambos na Arena das Dunas. O campeão disputará o título estadual com o Globo, campeão do primeiro turno.

Categoria:PÍLULAS
12 abril, 2017 – 07:14 am

ROSALBA E ROBINSON, ENFIM UNIDOS, POR EDSON FACHIN.

fabio-feirinha-2

As investigações foram motivadas por delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht, os quais descreveram vários casos de crimes como corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Todos envolvendo políticos.

Diante das delações, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, abriu 83 inquéritos, contra 108 políticos. O conteúdo de todos foi enviado ao ministro Edson Fachin, que autorizou a abertura de inquéritos no âmbito do STF.

O inquérito nº. 4.452 PGR tem como alvos o governador Robinson Faria (PSD), o deputado federal Fábio Faria (PSD) e a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP). Neste inquérito, os delatores foram Alexandre José Lopes Barradas, Fernando Luiz Ayres da Cunha Reis, Benedicto Barbosa da Silva Júnior, Ariel Parente e João Antônio Pacífico Ferreira. Foram eles que entregaram as falcatruas do trio acima.

Segundo os relatos, a Odebrecht Ambiental pagou R$ 800 mil ao trio a título de contribuições eleitorais. Em troca, “venceria a licitação” para conduzir as obras de saneamento básico no âmbito do Rio Grande do Norte. Por atuar como concessionária de serviço público, a Odebrecht Ambiental não poderia fazer contribuições eleitorais de forma legalizada. Os R$ 800 mil foram divididos da seguinte forma: Rosalba (R$ 350 mil), Robinson Faria (R$ 350 mil) e Fábio Faria (R$ 100 mil).

Esta é a acusação, que agora será investigada pelo STF. Os crimes apontados são corrupção ativa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

No departamento de propina da Odebrecht, Fábio Faria tinha os apelidos de “Bonitão” e “Garanhão”, Robinson Faria era o “Bonitinho” e a ex-governadora Rosalba Ciarlini era chamada de “Carrossel”.

O inquérito não fala em data, mas pelo teor sugere que as tratativas se deram nas eleições de 2010, pois diz que Robinson Faria era vice na chapa encabeçada por Rosalba Ciarlini.

Única prefeita citada na lista, Rosalba Ciarlini tratou logo de enviar nota a alguns órgãos de imprensa negando participação no esquema. Fez o que todos os políticos fazem. Até agora não vi nenhum deles confessando os crimes que cometeram.

PITACO DO TIO – De certo, não podemos condenar a prefeita de prima. As investigações vão começar agora, mas o fato de ter o nome citado já é um grande indício de cometimento de crime, isso é inegável.

Rosalba Ciarlini dividirá agora o tempo entre a administração do município e a tentativa de se defender das acusações que lhe são imputadas. É mais um político que dormirá receoso de a campainha tocar às 5h da manhã.

Algumas ações perpetradas pela prefeita também sugerem que ela tem receio do que lhe possa acontecer, uma dessas ações foi a escolha de uma vice-prefeita sem histórico político, alguém que, assumindo a titularidade da prefeitura, deverá atuar sob orientação do ex-deputado Carlos Augusto, esposo da prefeita.

11 abril, 2017 – 05:43 am

PÍLULAS…PÍLULAS…(11abr)

8592837978_192761c602_z

Há 26 anos a prefeitura de Mossoró disponibiliza, na Semana Santa, peixe a preços mais populares para a população em geral. No ano passado, por exemplo, foram disponibilizadas 22 toneladas de corvina, ao preço de R$ 8,50 o quilo. Além de permitir ao mais humilde a oportunidade de consumir peixe no período, seguindo a tradição cristã, a venda pela prefeitura também regula o mercado, evitando que o valor do pescado no comércio dispare.

Este ano, contudo, a prefeitura de Mossoró decidiu quebrar a tradição. Não haverá peixe a preços mais baixos para a população. O programa do peixe na Semana Santa não existirá.

Vale frisar que o custo do programa é mínimo, resumindo-se a questão de logística de venda. O peixe sempre foi vendido pelo preço que foi comprado. Não há subsídio. Logo, a suspensão do programa é uma questão de falha de gestão, não é uma questão de economia.

 *

No próximo dia 03 de maio o ex-presidente Lula da Silva prestará depoimento ao juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara da Fazenda Pública de Curitiba-PR. Será a primeira vez que eles ficarão face to face. Para o dia, o PT está preparando uma espécie de “Ocupa Curitiba”, com a presença de 50 mil pessoas de vermelho em frente ao fórum onde será realizada a audiência.

Cogita-se, inclusive, transferir as manifestações de 01º de maio, Dia do Trabalhador, para a capital paranaense. Acampamentos seriam montados para acomodar todos os manifestantes. A intenção é demonstrar a força de Lula diante de boa parte da população.

*

Impressiona a sanha corrupta de alguns políticos brasileiros. O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, é acusado de embolsar R$ 300 milhões. É dinheiro demais. A Mega-Sena desta semana, acumulada, está pagando R$ 60 milhões, ou seja, o sonho de todo brasileiro chega a 20% do que Sérgio Cabral garfou dos cofres públicos.

No Rio Grande do Norte, Gutson Reinaldo, ex-diretor do Idema, comprou dez apartamentos num mesmo condomínio.

Corrupção é inaceitável, seja de qual tamanho for, mas estes aí extrapolaram e muito.

*

Em entrevista à Veja desta semana, o ministro Luís Roberto Barroso, do STF, disse que há um risco real de nenhum político ser punido dentro da operação Lava-Jato. Ele coloca a culpa no foro privilegiado, que, nas palavras dele, produz impunidade. Barroso fala ainda que a elite brasileira tem dificuldade de condenar seus parceiros de mesa: “As pessoas que frequentam o mesmo banquete não se condenam entre si”.

*

É renhida a briga que envolve, de um lado, SBT, Record e RedeTV!; do outro, Net, Sky, Vivo e OI. Em Brasília e São Paulo, locais onde não há mais tevê com sinal analógico, os três canais saíram da grade das operadoras. Quando a TV por assinatura chegou ao Brasil, as operadoras tinham que incluir os canais abertos em sua grade, o que era bom para tais canais e também para as operadoras. A regra, entretanto, só valia para a tecnologia analógica.

Com a entrada da tecnologia digital, as três emissoras viram a oportunidade de cobrar das operadoras pelos seus sinais, e as operadoras se negam a pagar. Cada uma tem suas razões.

A briga nada mais é do que a luta de setores que atuam no ramo se manterem vivos. Tanto TVs abertas quanto as operadoras têm perdido receitas a cada mês, ao passo que o YouTube e o Netflix só fazem crescer.

A Globo e a Band não entraram na briga, vez que ambos têm canais exclusivos nas operadoras (SporTV, MultiShow, Band Sports, BandNews...), em contratos que incluem os canais abertos.

*

Na semana passada, o Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu que policiais civis e militares realizem greves. Os demais tribunais do país, bem como os juízes de primeiro grau, têm que acompanhar essa determinação. Os policiais terão que procurar outra forma para pressionar os governantes.

*

O Brasil continua tendo a maior população católica do mundo. São 173 milhões de fieis, segundo o Anuário Pontifício 2017, o que representa 26,4% dos católicos do continente americano. Os dados foram trazidos na edição desta semana da revista IstoÉ.

*

WhatsApp Image 2017-04-08 at 11.46.23

Enquanto a maioria dos prefeitos do Rio Grande do Norte chora miséria e põe culpa nas gestões passadas pelo insucesso de suas administrações, já tem deles inaugurando obras.

Na última sexta-feira (07), o prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio (Paulinho), inaugurou a nova estrutura de iluminação pública da Praça Hygor Bruno. São 41 postes de 6 metros de altura e lâmpadas de Led de 60 watts, os quais custaram R$ 140 mil. Obra realizada com recursos próprios.

Desde que assumiu o comando do município o prefeito Paulino (PR) tomou medidas para reduzir as despesas públicas, entre estas a diminuição em 22% dos seus vencimentos, dos vencimentos do vice e dos secretários municipais.

Categoria:PÍLULAS
10 abril, 2017 – 06:37 am

NEPOTISMO MARCA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO DE ROSALBA CIARLINI

??????????

??????????

Completamos hoje 100 dias de gestão da prefeita Rosalba Ciarlini (PP). A data é simbólica. Convencionou-se que a primeira avaliação de qualquer gestão seja feita no 100º dia. Inicialmente, discordo desta “carência”. Já nos primeiros dias conseguimos observar como será a gestão. Vide o caso do prefeito de São Paulo (SP), João Dória (PSDB). Desde o início da gestão ele vem se destacando por suas ações, todas reais e concretas, apesar de ter um pouco de abuso de marketing.

Em Mossoró, a prefeita começou nomeando quatro parentes para o primeiro escalão, entre estes dois filhos, o que rendeu matéria negativa até no jornal Folha de S. Paulo. A repercussão, contudo, não a brecou. Ela nomeou mais parentes para o segundo escalão da administração. Para piorar, o Blog do Barreto (link ao lado) descobriu que uma irmã da prefeita dirige informalmente a Escola de Artes de Mossoró.

Rosalba Ciarlini anunciou ainda que reduziria os cargos comissionados, em torno de 700, à metade. A promessa já foi descumprida, vez que o total de cargos em comissão no âmbito da administração municipal já ultrapassou os 400.

Quando do primeiro pagamento do funcionalismo, “pulou” os meses de novembro e dezembro, pendentes, dando a entender que a gestão dela pagava em dia, e que o atraso era do gestor passado, como se a prefeitura fosse uma bodega. Foi – e continua sendo – uma afronta ao princípio constitucional da impessoalidade do serviço público.

Nas áreas de saúde, educação e segurança as reclamações da população continuam as mesmas. Nada mudou em relação ao gestor passado. A diferença é que a atual prefeita tem a maioria da imprensa a seu favor, somando-se a isso um grupo ativista nas redes sociais. Tem deles que fazem até ameaças quando alguém ousa criticar a gestão.

Em suma, Rosalba Ciarlini (PP) continua fazendo aquela política tradicional, cheia de vícios, a qual faz desde os anos 80. Não acompanhou os anseios da sociedade, não se tocou que a população quer um gestor comprometido unicamente com o bem coletivo, que a população não suporta mais ver um gestor que governa apenas para si e para os seus.