Racionalidades – 17ª edição.

0

ERRE-N SEM LEI – Na última quarta-feira (15), uma troca de tiros entre policiais militares e bandidos culminou com a morte de Luiz Benes (foto), 16 anos, filho de Benes Leocádio, ex-prefeito de Lajes (RN). O ocorrido, que também deixou um bandido morto, ocorreu no bairro de Tirol, em Natal (RN).

Por se tratar de um jovem na flor da idade, filho de um político conhecido, o caso ganhou grande repercussão, inclusive na imprensa nacional, com destaque para matéria no Jornal Hoje de ontem.

Em nota, a secretária Estadual de Segurança Pública, Sheilla Freitas, disse que os potiguares vivem em guerra, uma guerra sem tréguas, mas que ao final a polícia vencerá. Disse ainda que diariamente milhares de policiais saem às ruas para combater o crime. Num dado trecho ela vaticina: “Com toda a dor de quem é mãe, mulher e policial, quero aqui dizer que vamos lutar com todas as nossas forças, erguer nossas muralhas e aumentar ainda mais a nossa energia”.

Não vou dizer aqui que chegamos num ponto de insegurança total, vez que tal ponto já foi alcançado há alguns anos. Ultimamente, ser vítima de um crime ou não é questão de sorte, apenas. O estado faz tempo que perdeu a luta para a bandidagem.

Neste momento de renovação dos nossos representantes, proporcionada pelas eleições que se avizinham, os eleitores têm a oportunidade de escolher um político que apresente soluções para diminuir a violência que toma conta do país, um político que aponte quais medidas o estado tomará para proteger seus cidadãos.

*

COMPETÊNCIA – Continuando a nota acima, vale lembrar que Segurança Pública é função do estado, que pagamos altos tributos para ter direito, entre outras coisas, à segurança. Armar a população, transformando o país num faroeste, não é solução, muito pelo contrário, é incapacidade de solucionar o problema, é um “resolva entre vocês”.

Além do mais, nem todos têm condições de usar uma arma, especialmente crianças, idosos, enfermos, mulheres em situação de vulnerabilidade etc. Por isso que a tarefa de defender a sociedade deve ser estatal, da polícia. Ao cidadão cabe pagar seus tributos e esperar que as forças estatais o protejam.

*

ERRO MÉDICO – Muita gente tem medo de andar de avião, mas poucos têm medo de serem internados. Saiba que deveria ser o inverso. A probabilidade de morrer num acidente aéreo é de uma em 10 milhões, já a probabilidade de morrer por erro médico é de uma em 300, ou seja, andar de avião é 33 mil vezes mais seguro do que ser internado.

Em 2015, 434 mil brasileiros perderam a vida em decorrência de erros médicos, segundo uma pesquisa realizada pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (Iess) em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). É a maior causa de óbitos no país, seguida de problemas cardiovasculares, que matou 339 mil pessoas no mesmo ano de referência.

Os motivos apontados para elevado número de mortes são os mais diversos, desde a proliferação de cursos de Medicina a partir de 2013, até a falta de estrutura dos hospitais, passando pelas rotinas exaustivas dos profissionais, bem como a falta de um exame profissional, nos moldes do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil.

Quanto à proliferação de cursos, o Governo Federal tomou uma decisão paliativa: suspendeu a abertura de novos cursos de Medicina até 2023. O estrago, contudo, já foi feito. Por ano, são formados 30 mil novos médicos, muitos destes sem a mínima condição para exercer a profissão.

Quanto aos pacientes, a Associação Brasileira de Apoio às Vítimas de Erro Médico (Abravem) recomenda que não devemos ver os médicos como infalíveis, que precisamos a todo instante indaga-los do tratamento sugerido, bem como consultar outro profissional se por alguma razão não sentir segurança no diagnóstico.

*

CASO MARIELE – O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro estipulou multa de R$ 100 mil para o Facebook caso a rede social não exclua 38 postagens caluniosas envolvendo Marielle Franco, vereadora carioca assassinada em março. Na maioria das postagens há a informação, inverídica, de que a ex-vereadora era ligada a traficantes. O MBL – sempre ele – está por trás de quase todas essas postagens.

*

COMEÇOU – A campanha eleitoral propriamente dita começou ontem. Os movimentos iniciais foram tímidos. Particularmente não senti nas ruas esse início de campanha. Como o dinheiro disponível não é muito, os candidatos estão pisando no freio, esperando o momento certo para colocarem o bloco na rua.

*

MOSSORÓ SEM OPÇÕES – O eleitor de Mossoró, ao menos o racional, terá dificuldades para escolher em quem votar. De um lado, temos aqueles candidatos filhotes das oligarquias, que estão no poder desde sempre e que não tem nada para mostrar; do outro, candidatos bem intencionados, mas com chances remotas de vitória, justamente por não pertencerem às oligarquias.

A política não mudou nada após a Operação Lava-Jato, como imaginavam alguns. Está a mesma fedentina de sempre.

*

DESTEMIDA – Comecei ontem a leitura de Herege, da escritora Ayaan Hirsi Ali. Ainda não avancei muito, li apenas umas 60 páginas (o livro tem 270). A primeira impressão, contudo, é que a escritora é corajosa no grau 10. Ele defende que o Islamismo deve ser reformulado com urgência, que não devemos dissociar os grupos terroristas da religião em si, como o ocidente faz. Em dado trecho ela escreve: “Os muçulmanos precisam tomar a decisão consciente de confrontar, debater e por fim rejeitar os elementos violentos de sua religião”.

É uma leitura interessante para quem quer entender o mundo islâmico.

*

OBRA DE GENTE GRANDE – Por falar em leitura, recebi pelo portador Francivan Amorim o livro “Perdão”, escrito pelo areia-branquense Francisco da Costa Rodrigues (foto). Li-o em duas sentadas, como dizem, com pausa apenas para dormir (no dia seguinte, antes do desjejum eu já havia encerrado a leitura).

A obra conta a história de um homicídio ocorrido em Areia Branca no ano de 1954, cometido pelo autor do livro, que num ato impensado, para proteger um irmão, matou um homem, tudo em fração de segundos.

Passados aproximadamente 60 anos, ele escreveu o livro para dizer o que lhe aconteceu nos dias seguintes ao evento fatal, sobretudo o período no cárcere, bem como pedir perdão aos familiares ainda vivos da vítima.

A história é recheada de fatos e nomes de pessoas que viveram em Mossoró e Areia Branca nos anos 50/60. O autor do crime – e do livro – ficou preso na Cadeia Pública de Mossoró, onde hoje funciona o Museu Municipal Lauro da Escóssia. As melhores páginas são as que ele conta como era a rotina na prisão, tudo com riqueza de detalhes, como se os fatos tivessem ocorrido ontem.

Há momentos fortes, como a que ele detalha sua primeira noite de Natal na prisão, bem como o adeus a uma mulher de vida livre por quem se apaixonou (na época, alguns presos eram liberados para frequentar o Alto do Louvor).

O livro também rememora a política daquela época.

Parabenizo o autor pela atitude – de pedir perdão – e por ter produzido uma obra tão fascinante.

*

PEGOU PESADO – Em São Luiz do Paraitinga (SP), a juíza indeferiu um pedido de indenização feito em razão de xingamentos que o autor sofreu no Facebook. No recurso de apelação o advogado/vítima usou contra a juíza as mesmas palavras ofensivas das quais foi vítima. Chamou assim a magistrada de anta, retardada, imbecil, arrombada, burra do caralho, idiota, babaca e então findou a mandando para a puta que pariu. Abaixo, dois trechos:

Porém, essa puta ignorante, que está no cargo de juíza da Comarca São Luiz do Paraitinga, alega simplesmente o oposto, sem qualquer fundamento a priori, tirando do próprio rabo entendimento antijurídico dissonante.

O que esta toupeira com cara de prego entende como demonstração de sentimentos ruins, se ela mesma nega o direito ao depoimento pessoal!? Que juíza burra do caralho!

O advogado foi suspenso de suas atividades pela OAB.

Para ler a peça na íntegra clique aqui.

*

À TOA – O IBGE divulgou ontem os números do desemprego no Brasil. Aqui no Rio Grande do Norte são 201 mil desempregados, o que representa 13,1% da força de trabalho. Eis outro problema que merece atenção especial dos nossos futuros representantes.

*

IMPERDÍVEL – A banda escocesa Franz Ferdinand, que há tempos venho dizendo ser uma das melhores da atualidade, se apresentará em Natal no próximo dia 13 de outubro, dentro do festival MADA. Já no primeiro disco, de 2004, eles emplacaram cinco músicas nas listas de mais tocadas em todo o mundo. O quinteto toca um pop-rock contagiante. Fiquei impressionado quando soube que eles se apresentarão aqui tão perto. Oportunidade rara de ver uma das melhores bandas da atualidade.

Veja aqui o clipe de Walk Away.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Racionalidades – 16ª edição.

1

ESTRANHO – Das movimentações políticas dos últimos dias, a que me causou mais estranheza foi o apoio do vereador Manoel Bezerra (PRTB) à postulação do empresário Jorge do Rosário à Assembleia Legislativa. Manoel Bezerra sempre foi o “Cão de Montanha dos Pirineus” da prefeita Rosalba Ciarlini (PP). Justamente por isso é pouco provável que ele tenha estranhado a prefeita. A hipótese mais lógica é que Manoel Bezerra tenha sido solto, o que mostra total desinteresse da prefeita na candidatura de Larissa Rosado (PSDB) à reeleição.

*

MOSSORÓ PRETERIDA – Encerradas as convenções estaduais, a única candidatura competitiva que não optou por um vice de Mossoró, o segundo maior colégio eleitoral do Estado, foi a de Fátima Bezerra (PT). O nome do geógrafo e professor Gutemberg Dias (PC do B) chegou a ser ventilado para o cargo, mas o escolhido findou sendo o presidente do PC do B estadual, natalense Antenor Roberto. No meu sentir, preterir Mossoró não foi uma boa ideia.

*

A DECISÃO DE TIÃO – O governador e candidato à reeleição, Robinson Faria (PSD), fechou aliança com o empresário Tião Couto (PR), que ocupará o cargo de vice. A adesão do empresário mossoroense à chapa de Robinson não foi bem digerida por grande parte de seu eleitorado, que o via como uma voz contra a política tradicional.

É preciso, todavia, procurar entender sua decisão, por mais esquisita que ela pareça. Por ter pretensões eleitorais para um futuro próximo, o empresário não poderia se ausentar do pleito que se avizinha, e das três candidaturas competitivas, a que reunia menos obstáculos era a de Robinson Faria.

A aliança com Carlos Eduardo (PDT) não poderia nem ao menos ser cogitada, pois o forçaria a dividir palanque com Rosalba Ciarlini (PP), sua adversária política em Mossoró.

Quanto à Fátima Bezerra (PT), a incongruência seria ainda maior, pois o empresário sempre teve um discurso que vai de encontro ao discurso da candidata petista, e justamente por isso seria difícil ele levar os empresários para o palanque. Como todos sabem, o grosso do empresariado é contra o PT.

*

QUEM DÁ MAIS – De uma semana para cá também começou o leilão para compra de apoios. Os atuais candidatos posando para fotos ao lado de vereadores, ex-vereadores, ex-candidatos a vereador, líderes comunitários e toda sorte de gente que possa conseguir uns votinhos.

Não ache que existam sentimentos de cunho coletivo na maioria desses apoios. A percentagem dos que vendem apoio (à vista ou promessa de vantagem) é a mesma da de certeza do exame de DNA.

 *

SÉRIE – Na última sexta-feira (03), entrou no catálogo do site Netflix a série Fariña, que trata do início da entrada de drogas na Europa, isso nos anos 80, a partir da Galícia, Espanha.

Inspirada em fatos reais, Fariña mostra que o contrabando de cigarros era o forte das máfias da Galícia no início dos anos 80, mas depois eles migraram para o tráfico de drogas (haxixe do Marrocos, cocaína da Colômbia etc), mesmo a contragosto do líder maior da máfia, vez que o contrabando de cigarros, quando descoberto, era punido apenas com multas, já o tráfico, se descoberto, daria prisão.

Quem gostou de Narcos gostará de Fariña. A primeira temporada são 10 episódios com 1h05 de duração cada um, em média.

*

VARIEDADES – Nesta semana um leitor deste espaço me disse que gosta da coluna e dos posts avulsos, pois estes não se limitam a tratar de política, trazendo os mais variados assuntos.

De fato, desde o início foi este nosso propósito. Por gostarem de política, muitos pedem que eu me aprofunde no assunto, mas deixo essa tarefa para quem realmente tem a política como assunto principal, como Christianne Alves, Carlos Santos, Bruno Barreto, Saulo Vale etc., todos com links na coluna ao lado.

Eu continuo focando no público que também curte outros assuntos, mas claro que também faço minhas análises políticas. Afinal, como cidadão, não posso me abster da política.

*

BRIGAS POR CAUSA DE POLÍTICA – Desde março de 2013, época das primeiras manifestações populares contra os políticos, a rivalidade entre apoiadores deste e daquele grupo político vem aumentando gradativamente. A tensão aumentou na pré-campanha e tende a atingir seu ápice nos dias que antecederem ao pleito.

Vi grupos de amigos se subdividirem, aglutinando assim apenas os que coadunam com o mesmo pensamento em subgrupos; vi amizades sendo desfeitas ou esfriadas por causa de divergências políticas; vi várias brigas feias em grupos de WhatsApp; vi até familiares se afastando uns dos outros.

Lamento assistir e até mesmo vivenciar tais situações. Sei que a política sempre provocou cizânias, mas não acho que isso deveria existir. Temos que aceitar a opinião do outro, ninguém é o dono da razão. Um debate sério e honesto é algo bonito de se ver. “Somos todos iguais, braços dados ou não”.

*

ELEVAR O TETO – Na quarta-feira, os 11 ministros do STF se reuniram para decidir acerca do aumento de seus vencimentos, atualmente em R$ 33,6 mil. O último reajuste ocorreu há quatro anos. Por sete votos a quatro, o colegiado decidiu por apresentar um reajuste de 16,8%, majorando os vencimentos para R$ 39 mil. Para o aumento valer, o Congresso Nacional precisa ratificá-lo, o que deverá acontecer facilmente.

O aumento é significativo, pois repercute em muitos setores do serviço público, vez que o teto salarial dos servidores públicos é justamente a remuneração dos ministros do STF. Assim, quem ganha o teto, por causa de direitos adquiridos etc. deverá ter os vencimentos reajustados.

*

PRÊMIO FAKE – Em janeiro deste ano, vários sites e blogs publicaram uma relação com os 27 melhores prefeitos do Estado. A lista foi elaborada por uma tal de União Brasileira de Divulgação (UBD), empresa com sede em Paulista (PE). Claro que todos os prefeitos homenageados resolveram vender aquilo como um grande feito.

O primeiro da lista foi o prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT); a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP) apareceu na 10ª posição; já o prefeito de Governador Dix-sept Rosado, Antonio Bolota (PHS), foi o 15º da lista, posição privilegiada, considerando que o estado tem 167 municípios.

Todas as assessorias fizeram matérias divulgando as conquistas.

A VERDADE – Matéria na última edição do Fantástico revelou toda a farsa, inclusive a reportagem conseguiu que um jumento fosse homenageado, o que mostra a total falta de critérios. Na realidade, quem paga recebe o prêmio. Trata-se de promoção pessoal à custa de dinheiro público. O Ministério Público dos Estados irá investigar os casos.

*

FRASE“Para mim, a maior religião é fazer o bem. Quando a gente faz o bem está legal. Até se o cara for ateu, pra mim, ele é meu irmão, desde que a premissa dele seja fazer o bem”. (Tite, técnico da Seleção Brasileira de Futebol).

*

EXPORTAÇÃO/IMPORTAÇÃO – O produto mais exportado pelo Rio Grande do Norte é o melão (108 milhões de toneladas/ano), e o mais importado é o trigo (48 milhões de toneladas/ano). Veja abaixo o produto mais exportado e o mais importado, respectivamente, em alguns estados brasileiros:

Paraíba: Calçados de borracha / trigo;

Pernambuco: caminhões / óleo diesel;

Ceará: Ferro / carvão mineral;

Bahia: Soja / nafta;

São Paulo: Açúcar / peças para telefones;

Piauí – Soja / célula solar; e

Santa Catarina: Miúdos de frango /cobre.

*

BAÚ DE CRÍTICAS – Logo após as definições das chapas estaduais, vi nas redes sociais vários vídeos de atuais aliados se atacando em ocasiões passadas. Esse é um jogo que ninguém ganha. Todos que estão aí já brigaram e já se aliaram no passado.

A política potiguar é igual às novelas da TV Globo: só mudam o roteiro, os atores e atrizes são os mesmos.

*

O ROCK ME ENSINOU QUE…“Quem ocupa o trono tem culpa, quem oculta um crime também”. (Engenheiros do Hawaii).

*

MENTIRA GRANDE – O senador Romero Jucá (MDB-RR), ao registrar no TSE sua candidatura à reeleição, afirmou que possui R$ 194 mil em bens. Pelo detalhamento, feito pelo próprio, ele tem R$ 150 mil em espécie e R$ 44 mil em duas contas-correntes. Ô palhaço.

*

SUPERLOTAÇÃO – Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado ontem, o Brasil possui 729.463 presos, número bem superior à capacidade do sistema carcerário, que é de aproximadamente 367 mil vagas.

Os dados devem ser levados em consideração quando surgirem ideias para endurecer alguma lei. Há tempos o sistema extrapolou sua capacidade.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Racionalidades – 15ª edição.

0

CAVALGADA – No último domingo, dia 29 de julho, ocorreu a 5ª edição da Cavalgada do Agricultor e do Vaqueiro Nordestino no município de Governador Dix-sept Rosado. Trata-se de uma iniciativa particular do prefeito do município, Antonio Bolota, um amante de cavalgada. O evento deste ano foi o mais prestigiado, com aproximadamente mil vaqueiros e amazonas, além da participação de lideranças políticas, algumas delas pré-candidatas nas eleições que se avizinham. A cavalgada saiu do sítio Bonito, após café da manhã, e seguiu até o Largo de Eventos, no Centro da cidade.

LIXO – Quem não gostou nadinha do evento foi o meio-ambiente. A foto acima não foi tirada logo após a saída dos cavaleiros e amazonas, mas ontem (02), quatro dias após o evento. Caso a sujeira não seja recolhida, parte dela deverá chegar até o rio Mossoró, que fica a poucos metros do local.

Chegando ou não ao rio é lamentável, nestes tempos de consciência ambiental, depararmos com imagens como estas. Ora, os ecologistas condenam que joguem um único item na natureza, imagine uma cena dessas. É de matar de um infarto qualquer integrante do Greenpeace.

Faço assim um apelo ao prefeito Antonio Bolota (PHS): proceda o recolhimento do lixo. Ainda dá tempo. O meio-ambiente agradece.

*

VIOLÊNCIA – 135 mulheres são estupradas por dia no Brasil. 65% dos casos acontecem em casa.

*

GATO ESCALDADO – Muitos presidenciáveis estão tendo dificuldades para escolher o vice. Realmente, depois de Temer, todo cuidado é pouco. Vale destacar, todavia, que o esposo de Marcela não foi o primeiro vice “traíra”. Na verdade, nossa história está cheia deles. Já no início da República tivemos um. Agora, um pouco de história para vocês.

Já o primeiro presidente civil, Prudente de Morais, teve um dos vices mais traíras da história. Em 1897, no primeiro e único afastamento do presidente, para tratamento de saúde, o vice Manuel Victorino mudou ministros e transferiu a sede do governo para o Palácio do Catete. Mas isso foi fichinha perto do que ele viria a fazer meses depois.

Em 05 de novembro daquele ano, numa cerimônia no Arsenal da Guerra, onde o presidente recebia os vitoriosos da Guerra de Canudos, o soldado Marcelino Bispo, que fazia a sua guarda, partiu para cima do chefe da Nação com uma faca (ou espada), com intenção de matá-lo. O ministro da Guerra, Carlos Bittencourt, pôs-se a frente do presidente e sofreu três cutiladas, indo a óbito. Na época, todos sabiam que o mandante do crime havia sido Manuel Victorino, mas o presidente preferiu que as investigações não avançassem.

Apesar de Manuel Victorino, Prudente de Morais conseguiu concluir seu mandato, ao contrário de Dilma Rousseff.

*

FALANDO NISSO – O PT realizará amanhã a sua convenção. Como já é esperado, o partido lançará o nome do ex-presidente Lula da Silva como candidato à presidência. Não se fala muito no nome para vice, mas setores da grande imprensa apontam que o espaço será ocupado por Manuela D’Ávila (PC do B), deputada estadual no Rio Grande do Sul. Apesar de Manuela ter se lançado como pré-candidata a presidente, há uma grande possibilidade de ela retirar a candidatura em prol da união dos partidos de esquerda. Vamos aguardar.

*

LULA LIVRE? – Antes do dia 15 deste mês o pleno do STF deverá julgar recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Lula onde é requerida a suspensão dos efeitos da sentença condenatória, vez que não houve trânsito em julgado. Se o pedido for acatado, o ex-presidente será solto. Um forte esquema de segurança já está sendo montado pelo STF.

Esse pedido é aquele que seria julgado pela 2ª Turma, mas que o relator Edson Fachin remeteu para o Pleno.

*

ARISCO – Em entrevista ao Jornal da Tarde, na Rádio Rural, o presidente municipal do PDT, ex-vereador Tomaz Neto, disse que não apoiará Carlos Eduardo, candidato do partido ao governo do Estado. Além disso, informou que trabalhará contra a candidatura, inclusive percorrendo o estado, algo que nunca fez antes em campanhas eleitorais.

A ira de Tomaz Neto se deve ao fato de ele não ter sido ouvido quando das conversas para formação das alianças. O ex-vereador não gostou nada do “chapão” formado, reunindo as oligarquias do estado. “É a chapa mais danosa para o estado”, disse.

Tal posicionamento, vindo do presidente do PDT no segundo município do estado, ganha um peso relevante. Ora, se até ele vai trabalhar contra…

*

UFA! – Ontem, este blog alertou acerca da possibilidade de os médicos suspenderem os serviços nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) a partir de hoje. A Paralisação não mais acontecerá. A prefeitura prometeu pagar 50% da dívida imediatamente e dividir o restante em cinco parcelas.

*

ESCORREGO – Desde o ano passado a prefeitura promete reabrir o Parque da Criança, espaço integrante do Corredor Cultural. Matérias do ano passado informavam que R$ 820 mil seriam investidos na reforma do equipamento, além da compra de novos brinquedos. A reabertura era prometida para abril. Ate agora, nada.

Não sei o que aconteceu, até porque não há nenhuma informação atualizada acerca da reforma, mas torço que o impasse, seja ele qual for, seja resolvido. Mossoró é uma cidade carente de espaços públicos para famílias, especialmente crianças. O parque era uma das poucas opções disponíveis.

*

VAI PIORAR – Há alguns meses cresceu a polêmica envolvendo as notícias falsas (fake news), isso porque o Facebook excluiu várias páginas e perfis ligados ao Movimento Brasil Livre (MBL), grupo especializado em difundir notícias falsas nas redes sociais.

Não há nada ruim, entretanto, que não possa piorar.

Já surgiu nos Estados Unidos e alguns países da Europa as deepfakes, que são vídeos falsos feitos a partir de alguns programas de computador. Vou explicar citando um exemplo. Dia desses “viralizou” um vídeo do ex-presidente dos EUA, Barack Obama, enumerando os perigos de usar a internet. Quatro milhões de pessoas assistiram ao vídeo no YouTube, e quase ninguém percebeu que se tratava de uma deepfake. Barack Obama nunca fez aquele vídeo, mas sim um programa de computador. A “novidade” ainda não chegou ao Brasil, mas um dia isso irá acontecer.

As redes sociais caminham para a total falta de credibilidade.

 Para ver o vídeo falso de Barack Obama clique aqui.

*

RODA GIGANTE DA SAÚDE – No vai-e-vem do que faz bem e faz mal, o alvo da vez é a meditação. Sempre li e ouvi que a prática era excelente para eliminar o estresse, relaxar, autoconhecimento etc. Pois bem, um estudo da Universidade Brown (EUA), uma das melhores do mundo, concluiu que a meditação pode causar medo ou paranoia, alterações no sono, alucinações e resgate de memórias traumáticas.

*

PAGAR O PATO – Caso você tenha conhecimento de alguém que esteja furtando energia, o famoso “gato”, entre imediatamente em contato com a Cosern através do número de telefone 116. A denúncia é anônima. A razão para você denunciar é simples: a Cosern não tem nenhum prejuízo com esses furtos de energia. Ao final, o valor da energia furtada é rateado entre todos os consumidores. A empresa sabe a quantidade que joga na rede, e então cobra por ela. Se houver diferença, esta será paga pelos demais consumidores. Você que pagará o pato pelo gato do vizinho.

*

ABELHAS – O número de enxames de abelhas cresceu enormemente este ano, isso em razão do aumento do número de chuvas. Caso se depare com algum desses enxames nem pense em removê-lo por conta própria. Acione o Corpo de Bombeiros, através do 193, para que eles façam este serviço.

É bom frisar que as abelhas são essenciais para a vida na terra. De cada 10 produtos do campo que chegam a nossa mesa, sete só existem porque foram polinizados por abelhas.

*

O VELHO NA POLÍTICA – E a política potiguar, hein? A mesma prática de sempre. Aquele grito de mudança não foi ouvido pelos políticos potiguares, que estão formando chapas cheias de dinossauros e seus filhotes. Novamente, a galera só pensa no próprio umbigo.

Eu fico besta quando vejo que esse povo ainda tem voto e que muitos serão reeleitos. Ora, se pouco fizeram pelo povo potiguar nos trocentos anos em que estão no poder, por que farão muito agora? Acreditar nesse discurso demonstra, no mínimo, uma inocência infantil.

O Rio Grande do Norte é um estado esquecido do resto do país, assim como Amapá, Sergipe etc., e isso se deve às oligarquias que estão no poder há décadas, que nada ou pouco fizeram para que o país crescesse economicamente. Nosso potencial de recursos naturais é enorme, falta apenas políticos que se comprometam em explorá-los a fim de o estado crescer. Com esses que estão aí, tal nunca acontecerá.

*

ELEITORADO – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou essa semana o eleitorado atualizado em todo o Brasil. Mossoró (RN) passou de 160.057 eleitores, em 2014, para 174.189, em 2018. A continuar esta média de crescimento, deveremos ultrapassar os 200 mil eleitores em 2026. Assim, teríamos possibilidade de segundo turno nas eleições municipais apenas a partir de 2028.

No âmbito estadual, são 2.373.619 eleitores espalhados em 167 municípios.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Por falta de prioridade, serviços das UPAs poderão ser suspensos.

0

Li no blog do jornalista Carlos Santos que os médicos que atendem nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Mossoró poderão cruzar os braços a partir de amanhã, sexta-feira (03).

O imbróglio envolve a prefeitura e o Serviço de Assistência Médica e Ambulatorial Ltda (SAMA), empresa que possui aproximadamente 200 médicos plantonistas cadastrados para desempenharem seus serviços nas UPAs. Eles também são responsáveis pelo Serviço de Verificação de Óbitos.

Ocorre que, pelo contrato, a prefeitura deveria pagar a empresa cerca de R$ 700 mil mensais, o que não é feito há três meses, gerando uma dívida superior a R$ 2 milhões. Todavia, também pelo contrato, a empresa pode deixar de realizar o serviço após três meses de atraso.

 Eita, agora lascou.

Para evitar a paralisação dos serviços, o que pegaria mal para a prefeita e seus apoiados/apoiadores, em razão da eleição que se avizinha (só por esse motivo mesmo), a prefeitura judicializou a questão, buscando alguma decisão que impeça a empresa de suspender os serviços.

A decisão está nas mãos do desembargador Gilson Barbosa, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, que deverá tomar uma decisão hoje, em audiência designada para daqui a pouco (11h), entre as partes.

O episódio mostra que o Ministério Público está coberto de razão. Há algo errado entre as prioridades da prefeitura, que prefere investir suas receitas em festas e afins, pagando cachês altíssimos para artistas realizarem poucas horas de shows, enquanto a população corre o risco de ficar desassistida dos serviços oferecidos pelas UPAs, o que provocará vários óbitos, que sabe-se lá quem irá verifica-los.

Para ler a matéria no blog de Carlos Santos clique aqui.

Não seja um eleitor primitivo.

0

Nosso cérebro tem três áreas responsáveis pelo pensamento. O córtex reptiliano e o sistema límbico são responsáveis pelos pensamentos primitivos, os quais têm a ver com sobrevivência (alimentação, medo, defesa etc.); já o neocórtex é mais sofisticado, ele é o responsável pelo pensamento racional.

Os políticos, especialmente os populistas, exploram as áreas primitivas do cérebro, transformando o medo e a fome, por exemplo, em votos. A expressão “eleitor consciente” não foi criada à toa. Ela busca justamente alertar o eleitor para ele não cair nessa “pegadinha”.

O eleitor consciente usa o neocórtex para escolher seu candidato. Analisa pormenorizadamente seu passado, suas ideias e se suas propostas são críveis.

Os votos nulos ou em branco também devem ser atribuídos ao córtex reptiliano. São votos movidos por um sentimento primitivo. O eleitor consciente escolhe um candidato, pois simplesmente sabe que um será eleito, e então ele quer participar dessa escolha, contribuir racionalmente com a democracia.

Não deixe que a área cerebral do pensamento primitivo determine sua escolha. Coloque seu neocórtex para funcionar e então escolha seu candidato com base numa análise racional.

Racionalidades – 14ª edição

0

ALIANÇAS DE OURO – Faltando pouco para as convenções, quatro partidos são os mais cortejados para alianças, isso por causa do tempo na propaganda, do fundo eleitoral e do número de deputados federais. Nenhum dos quatro partidos deverá lançar candidaturas próprias. Assim, deverão se unir a uma candidatura já posta.

O PR tem 40 deputados, 47 segundos na propaganda e R$ 113 milhões de fundo eleitoral; O PP tem 49 deputados, 52 segundos na propaganda e R$ 131 milhões de fundo eleitoral; O PSB tem 26 deputados, 47 segundos na propaganda e R$ 118 milhões de fundo eleitoral; e o DEM tem 43 deputados, 30 segundos na propaganda e R$ 89 milhões de fundo eleitoral.

O PR tem como foco aumentar a representatividade na Câmara dos Deputados. Desta forma se juntará ao partido que tiver maiores condições de realizar isso. A aliança com Jair Bolsonaro foi descartada. Atualmente conversam com o PT.

O PP se divide entre o PDT de Ciro Gomes e o PSDB de Geraldo Alckmin. A princípio a tendência era ficar com o pedetista, mas o quadro se alterou após o pedetista chamar uma promotora de “filho da puta”.

O PSB é o mais “enganchado”. Há correntes para todos os gostos, desde o apoio a Marina Silva (REDE) à isenção, passando por defensores de alianças com PDT, PSDB e PT. Como há muitas situações especiais nos estados, a tendência é que o partido faça uma aliança nacional e libere os diretórios estaduais.

O DEM está mais propenso a fechar com Ciro Gomes (PDT), pois quer desmanchar a pecha de apêndice do PSDB. As negociações entre os dois travam na questão econômica e também em alguns desafetos que Ciro tem no DEM. Reparadas estas arestas, a aliança será feita.

*

HENRIQUE FORA, NESTA – Em entrevista a rádio 98 FM de Natal, o senador Garibaldi Filho (MDB) disse que o ex-deputado federal Henrique Alves não disputará nenhum cargo eletivo nas eleições que se avizinham. O detalhe é que o senador enfatizou bem o “na próxima eleição”, sugerindo que o ex-deputado, que saiu da cadeia recentemente, poderá participar de pleitos futuros.

Ainda na entrevista, não entendi muito bem a resposta do senador quando perguntado sobre a rejeição do pré-candidato Carlos Eduardo. Ele disse que o primo sempre focalizou sua atuação política em Natal, por isso encontra dificuldades no restante do estado, e concluiu dizendo que Carlos Eduardo tem dois tipos de rejeição, a daqueles que não o conhecem e a daqueles que o conhecem muito.

Essa parte do “daqueles que o conhecem muito” me pareceu estranha. O que o senador quis dizer com isso? Terá algo a ver com o ditado “Quem não te conhece que te compre?”. É o que ficou parecendo.

FRÁGIL – Para encerrar, o senador, que tem 71 anos, me pareceu muito frágil, com dificuldade para falar e raciocínio mais lento do que o seu convencional. Suportará mais oito anos de atividade parlamentar? Não estaria na hora de pendurar as chuteiras, passar a vez para alguém com mais disposição e vigor?

*

O NOME – Na aliança entre o pré-candidato ao governo do estado, Carlos Eduardo Alves (PDT), e a prefeita de Mossoró, Rosalba Cialini (PP), coube a esta indicar o vice na chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Natal. Findou o nome do filho da prefeita, o publicitário Cadu Ciarlini.

Numa disputa acirrada como a que se avizinha, é temerário formar uma chapa com alguém “indicado”, rejeitando um nome que realmente tenha liderança. Geralmente as chapas para governo do estado são formadas por duas pessoas que têm representatividade, e não por alguém apenas “indicado”.

Eu sei que a prefeita Rosalba Ciarlini quer um labor para seu filho encostado, mas o mais lógico seria ter indicado o nome do deputado federal Beto Rosado (PP), que tem alguma representatividade.

*

O Parque da Cidade continua cada vez mais abandonado. Nesta semana os larápios levaram os cabos de eletricidade. Uma excelente ideia do ex-prefeito Silveira Júnior não progrediu por simplesmente ter sido uma ideia…  do ex-prefeito Silveira Júnior. Muita pequenez.

*

BEACH PARK – O fato lamentável da semana foi o acidente no Beach Park que tirou a vida de um turista paulista. Um sinistro como este é muito ruim para a imagem do empreendimento, mas devemos analisar que este foi o único óbito registrado nos quase 30 anos de existência do parque aquático que recebe 1,7 milhão de visitantes por ano. Considerando isso, tal fatalidade não deveria evitar a visita de novos frequentadores.

É 100 vezes mais fácil morrer nas ruas das periferias de Mossoró do que num brinquedo no Beach Park.

*

REMOÇÃO – O juiz Herval Sampaio (foto), atualmente exercendo o cargo de presidente da Associação dos Magistrados do Rio Grande do Norte (AMARN), não voltará mais para Mossoró quando seu mandato terminar. O Diário da Justiça publicou sua remoção, a pedido, para a 1ª Vara da Comarca de Ceará Mirim.

O magistrado deixará saudades. Nos tempos em que trabalhou em Mossoró, ele foi sempre muito presente na vida cotidiana do município, seja proferindo palestras, seja participando de entrevistas em toda a imprensa e também apresentando seus próprios programas, além de intensa participação nos eventos sociais.

As 24 horas do dia sempre foram pequenas para o inquieto Herval Sampaio, intenso em tudo o que fazia. Emotivo que é, já deve ter chorado lembrando dos momentos que viveu em Mossoró, uma cidade que tão bem o acolheu.

Nobre amigo, desejo-te sorte e conquistas na sua nova empreitada, e que um dia possas realizar aquele sonho profissional que um dia me confidenciou.

  *

SOBRAS ORÇAMENTÁRIAS – Na última terça-feira a Assembleia Legislativa decidiu que os órgãos que recebem repasses constitucionais do Executivo não precisam devolver dinheiro ao governo estadual caso haja sobras orçamentárias. A decisão foi apertada, 12 x 11, com voto de minerva do presidente Ezequiel Ferreira (PSDB).

A decisão gerou revolta entre os servidores do Executivo, os quais alegaram, através de representantes de sindicatos, que as sobras deveriam voltar para a fonte primária (governo estadual), a fim de o dinheiro servir à sociedade.

Ora, e se o dinheiro ficar na Assembleia Legislativa, Poder Judiciário, Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública ele não servirá à sociedade? Servirá sim. Todos estes órgãos são públicos e precisam de verbas para se manter e oferecer um melhor serviço aos cidadãos.

*

REINAUGURAÇÃO – O restaurante Gonzaga da Panelada será reinaugurado no próximo sábado, a partir das 11h. No mesmo dia, às 19h, será realizada no local uma Missa em Ação de Graças para celebrar o feito.

O restaurante foi destruído por um incêndio no último dia 14 de junho. Desde então várias campanhas foram realizadas na cidade, especialmente em grupos de WhatsApp, para arrecadar fundos e ajudar na reconstrução do restaurante, que funciona na rua Jeremias da Rocha, bairro Santo Antonio.

Gonzaga da Panelada é o típico restaurante “saideira”, para onde a turma vai comer uma panelada, buchada, sarapatel etc. após as festas. O proprietário, seu Gonzaga, traga a todos com devotada atenção, o que faz todos gostarem dele e se unirem para reconstruir seu espaço.

Além disso, todos estão sentindo falta daquele sarapatel etc. após formaturas, vaquejadas etc.

*

SEM ALIANÇAS – O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), pré-candidato à presidência da República, está tendo dificuldades para encontrar um vice. Na segunda-feira ele anunciou que seria Augusto Heleno, general da reserva filiado ao PRP. No dia seguinte o partido negou a aliança.

Antes disso, o PR do senador Magno Malta (ES) já havia declinado do mesmo convite.

Sem outras possibilidades de alianças no horizonte, Jair Bolsonaro deverá recrutar um vice filiado ao seu próprio partido, formando assim uma chapa puro-sangue, com direito a oito segundos na propaganda eleitoral gratuita. Neste caso, o mais provável é que a vice seja a advogada Janaina Paschoal, aquela.

ESCOLHA – Nas tratativas com o PR, Jair Bolsonaro disse que cedia a vaga de vice para Magno Malta, mas o PR não poderia se juntar ao PT na Bahia e em Minas Gerais. O partido não aceitou a proposta, preferindo fazer as alianças com o Partido dos Trabalhadores nos dois estados.

*

NA HISTÓRIA – Nesta data, em 1973, morria, em Los Angeles, o ator Bruce Lee, nativo de Hong Kong. Contava com 32 anos de idade. Seu último filme, Operação Dragão, foi lançado seis dias após a sua morte. Os cinemas de Mossoró, especialmente o Cine Pax, exibiram vários filmes de karatê onde Bruce Lee figurava como ator principal. Isso nos anos 70/80. Eram os chamados vesperais. Ao terminar os filmes, só sobrava pros garajaus que ficavam entre o cinema e a casa do expectador.

*

DESEMBOLSO – Começou no último dia 18 o pagamento do Bolsa Família, que teve reajuste de 5,67%. Os beneficiados receberão até o último dia do mês. O dinheiro é liberado de acordo com o número impresso no cartão. Final 1 recebe no primeiro dia, e assim por diante.

O governo federal investe R$ 29 bilhões anuais com o programa, que beneficia 14 milhões de famílias.

*

VÁLIDO – O deputado federal Felipe Maia (DEM) postou em suas redes sociais que havia conseguido junto à Caixa Econômica que as lotéricas voltassem a receber contas da Cosern, o que deixou de ser feito há aproximadamente dois meses.

Muitos internautas zoaram do deputado, dizendo que há coisas mais relevantes a serem feitas. De fato tem, mas de qualquer modo se tratou de uma conquista, o que não deve ser desconsiderado. Pequenas conquistas não impedem as grandes.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Racionalidades – 13ª edição.

0

CALENDÁRIO ELEITORAL – A partir de amanhã (07) os agentes políticos ficam proibidos de realizarem várias condutas, especialmente de participar de inaugurações de obras e serviços pagos com recursos públicos. Também não podem nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens, ou por outros meios dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, remover, transferir ou exonerar servidor público, salvo algumas exceções.

*

VOTO EM TRÂNSITO – O eleitor de outra cidade que estiver em Natal, Mossoró ou Parnamirim no dia do pleito poderá requerer o voto em trânsito. É necessário, contudo, que o eleitor se dirija a qualquer cartório eleitoral para habilitar-se, o que deverá ser feito entre os dias 17 de julho e 23 de agosto.

Um eleitor de Governador Dix-sept Rosado, por exemplo, que estiver, no dia da eleição, em Mossoró, poderá habilitar-se para votar nesta cidade (meu caso).

O voto em trânsito é possível nas cidades com mais de 100 mil eleitores.

*

UFA! – O governo do Estado, em comunicado oficial datado de ontem, anunciou que os vencimentos dos servidores públicos referentes ao mês de junho serão pagos até o dia 10. Diz o comunicado:

O Governo do Estado paga amanhã (06/07) 109 mil servidores (de um total de 111 mil). Serão pagos todos os servidores da EDUCAÇÃO, SAÚDE e SEGURANÇA que recebem até R$ 4 mil.

Recebem também amanhã, vencimentos INTEGRAIS, todos os INATIVOS e PENSIONISTAS, de TODAS as categorias do Estado, independente de faixa salarial. Os 2 mil servidores ativos restantes, que ganham acima de R$ 4 mil e completam a folha, recebem na segunda (09) e terça (10).

Com isso, na terça (10) a folha do estado passa a estar 100% EM DIA. O Governo injeta na economia do RN R$ 370 milhões em salários.

OBS. Na realidade, “em dia, em dia” não está, vez que se convencionou entre os entes públicos o costume de se pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado, além disso falta quitar o 13º de 2017. De todo modo, é algo merecedor de elogios.

O atraso do pagamento do funcionalismo público foi uma das heranças malditas da ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP).

*

FRASE“Há muitas maneiras de matar uma pessoa: cravando um punhal, tirando o pão, não tratando sua doença, condenando à miséria, fazendo trabalhar até arrebentar, impelindo ao suicídio, enviando para a guerra, etc. Só a primeira é proibida pelo Estado”. (Bertolt Brecht).

*

Quem esteve em Natal na última quarta-feira (04) foi o professor Guilherme Boulos, pré-candidato a presidente da República pelo Psol. Na agenda, várias visitas à órgãos de imprensa. Tive a oportunidade de ouvi-lo na 98 FM, em entrevista ao blogueiro Bruno Giovanni.

Como sempre, Boulos se saiu muito bem nas respostas. Desmontou todas aquelas velhas e manjadas perguntas sempre feitas aos integrantes da esquerda, tipo: “Onde o comunismo deu certo?” etc. Aliás, eu esperava mais do entrevistador. Só fez perguntas-padrão, cujas respostas o entrevistado já tem na ponta da língua. Boulos não precisou sair nem do automático para responder.

*

Logo mais às 15h a Seleção Brasileira entra em campo pelas quartas-de-final para enfrentar a Bélgica, uma seleção que não está na elite do futebol mundial, mas que vem jogando um futebol bem redondinho. Claro que o Brasil é favorito, mas não podemos entrar de salto alto. Nem uma seleção chega à toa nas quartas-de-final de uma Copa do Mundo.

Antes do jogo do Brasil haverá uma disputa que tem tudo para ser pra lá de emocionante: França x Uruguai. O jogo começa às 11h. Nesse confronto é impossível apontar um favorito. As duas seleções têm tradição, bons jogadores e fizeram boas apresentações. Incógnita total.

*

HORÁRIOS – As agências bancárias funcionarão das 9h às 13h.

O Poder Judiciário do Estado funcionará das 8h às 13h.

*

CONCURSO – Termina amanhã o prazo para se inscrever no concurso para a Polícia Federal, que oferece 500 vagas para os cargos de Escrivão (80), Papiloscopista (30), Perito Criminal (60), Agente (180) e Delegado (150). Os vencimentos variam de R$ 11.983,00 a R$ 22.672,00, mais auxílio alimentação e adicional de fronteira (neste caso, para quem for lotado em região fronteiriça).

As inscrições podem ser feitas pelo link www.cespe.unb.br/concursos/pf_18.

*

PENAS QUE EXTRAPOLAM – Todo brasileiro quer ver os corruptos condenados e presos. O sentimento nacional é esse, mas por tal razão a Justiça não pode exceder os limites da razoabilidade. Esta semana o juiz Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato no Rio de Janeiro, condenou o empresário Eike Batista a 30 anos de xilindró.

Não li a sentença, mas, de prima, vejo uma pena bem acima do que costumo ver, inclusive para crimes bárbaros. O jornalista Pimenta Neves, por exemplo, pegou 19 anos de cadeia mesmo tendo cometido homicídio duplamente qualificado.

É por essas e outras que algumas das decisões da Lava Jato são revistas nos órgãos superiores.

*

LULA E HADDAD CONVERSAM – O ex-prefeito de São Paulo (SP), Fernando Haddad (PT), habilitou-se como advogado do ex-presidente Lula da Silva (PT), que cumpre pena em Curitiba (PR). Hoje ele já fará uma visita ao ex-presidente. Cotado para ser o plano B do líder petista, caso ele não consiga ser candidato, Haddad e Lula deverão falar de tudo, menos de questões processuais.

*

CAMINHOS DE FÁTIMA – Ontem me encontrei rapidamente com um petista histórico num supermercado da cidade. Numa breve conversa de fila de caixa ele me disse que a senadora Fátima Bezerra (PT), em se tratando de alianças, deveria avançar para o centro, não ficar apenas na esquerda pura. Citou, inclusive, o PP da prefeita Rosalba Ciarlini. Confessou que seria difícil explicar para alguns uma aliança assim, mas que este seria o caminho mais curto para se chegar à chefia do Executivo Estadual.

*

VILÃO OU MOCINHO? – O macarrão entrou na dança do que faz bem e faz mal, dança essa que tem no ovo seu maior destaque. Atualmente o ovo é considerado mocinho da alimentação, mas já foi vilão. Na onda low carb, os carboidratos estão sendo considerados os grandes vilões da alimentação saudável e da luta contra a balança e doenças adquiridas.

Na contramão da atual tendência, a revista Saúde de maio trouxe um belo prato de macarronada na capa, com a chamada: “A ciência mostra que é possível comer macarrão várias vezes na semana sem engordar”.

Na matéria, a revista informa que recentes pesquisas mostraram que o macarrão não é esse vilão todo, que pode ser apreciado sempre, desde que acompanhado de alimentos fibrosos, como verduras etc. O problema é que as pessoas usam o macarrão como prato único, isso sim que engorda. Ele pode ser consumido rotineiramente, desde que no prato tenha acompanhamentos saudáveis. Pelo menos é que diz, em suma, a matéria.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Prefeitura de Governador contrata empresa de correligionário de Souza por R$ 720 mil

0

No último dia 21 de junho a prefeitura de Governador Dix-sept Rosado publicou no órgão oficial o resultado do pregão presencial nº. 11/2018, que visou contratar empresa de auditoria e consultoria para fazer revisão de informativos fiscais relativos aos exercícios 2017/2018, objetivando o aumento do índice relativo à distribuição do ICMS (…). Em suma, o prefeito acredita que o município tem potencialidade para receber valores maiores na distribuição do ICMS.

A empresa vencedora foi a Auditoria e Consultoria Nordeste LTDA, com sede em Areia Branca e que tem Luiz Paulo Peixoto Gomes como um dos sócios. Pela auditoria e consultoria a empresa deverá receber R$ 720 mil, um montante significativo.

Vamos agora às coincidências.

Luiz Paulo Peixoto Gomes foi Gerente de Tributação da prefeitura de Areia Branca durante a gestão do então prefeito Souza, hoje deputado estadual. O agora parlamentar é do PHS, mesmo partido do prefeito de Governador Dix-sept Rosado, Antonio Bolota. Inclusive o parlamentar se empenhou bastante na campanha de Bolota à prefeitura, e até hoje mantém fortes laços com o político dix-septiense, tanto é que esteve na cidade há alguns dias, em evento político.

O blog não está fazendo nenhuma denúncia, apenas relatando as coincidências que envolvem a contratação, pelo município de Governador, – por R$ 720 mil – de uma empresa areia-branquense, criada no final de 2016 por um correligionário do deputado estadual Souza, fortemente ligado ao prefeito dix-septiense.

Racionalidades – 12ª edição. (Texto).

2

Na última quarta-feira, exercendo meu ofício, estive por volta das 10h30 numa residência localizada na periferia da cidade de Governador Dix-sept Rosado. Era uma casa muito humilde, sem reboco, sem portas nos cômodos, enfim, sem o mínimo de conforto. Fui atendido por uma senhora de tez sofrida, usando roupas bem velhas. Na ocasião pude notar a presença de três crianças, todas sem roupas. O marido, razão de minha visita, estava no rio. Enquanto uma das crianças foi chamá-lo, aquela senhora me relatou um pouco de seu sofrimento.

Ela disse que vive ali com o marido e os filhos, mas que logo terão que sair para um lugar ainda pior, pois não estão tendo condições de pagar o aluguel. Confidenciou que o café da manhã havia sido feijão puro, único alimento que tinha na casa. Acrescentou que os grãos foram doados por um parente que mora na zona rural.

O marido, disse ela, havia ido ao rio para ver se conseguia pescar um peixe para almoçarem. No caso de insucesso da empreitada teriam que comer feijão puro novamente.

Fui ficando comovido à medida que aquela senhora contava seu cotidiano de sofrimento. Falou ainda sobre o filho mais velho, que mora com o pai em Mossoró, um menino que tem muita vontade de fazer um curso profissionalizante, para então conseguir um emprego e tirá-la daquela vida de dor. Infelizmente, continuou a mãe, ele não tem condições financeiras de pagar uma mensalidade, e nem mesmo de comprar o material escolar dos poucos cursos gratuitos existentes.

Na conversa, ela sapecou a frase: “Eu já fui gente, já cheguei a ser amiga de muitas pessoas boas de Mossoró, de viver andando com elas”. Ato contínuo disse os nomes de algumas pessoas bem conhecidas da geografia mossoroense, sempre com um semblante que expressava um quê de boas lembranças.

Sobre uma dessas pessoas ela perguntou: “Ele ainda é vivo?”. Eu respondi que sim. Ela então finalizou: “- Ali é gente boa”, com o mesmo quê de boa lembrança.

(A pessoa a que ela se referiu deve estar nas casas dos 50 anos, o que me levou a pensar por que ela perguntou se havia morrido. Deve ser por que aquela fase de “ser gente” ela vê com demasiado distanciamento temporal).

Enfim chegou o marido, um rapaz aparentemente bem mais novo do que minha interlocutora. Com ele o papo foi apenas profissional. Ele logo assinou o mandado de intimação e então voltou para o rio. No período, contudo, mostrou-se bem simpático. A pressa em voltar era mais do que justificada. Já era quase 11h e ele ainda não tinha pescado nada.

Quando eu estava de saída, a senhora olhou pra mim e disse: “- Se encontrar Fulano e Beltrano diga a eles que mandei lembranças”. “Direi sim. Pode ter certeza”, respondi.

O que mais me comove é saber que aquela família não é a única a passar sérias privações. Situações como aquela eu vivencio rotineiramente. Destaquei este caso pelo desabafo da senhora. No geral noto que as pessoas omitem seus sofrimentos e dificuldades.

Impossível presenciar essas situações de extrema pobreza e não se revoltar com os políticos que desviam dinheiro da saúde, educação, habitação etc. Se não houvesse tanto dinheiro sendo desviado essas pessoas poderiam ter uma vida minimamente digna .

OBS. Foto meramente ilustrativa.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).

Racionalidades – 11ª edição.

0

SÓ PARA CONSTAR – Antes de tudo, não sou jornalista, não me apresento como jornalista e não tenho obrigação de jornalista. Escrevo essa coluna semanal por hobby, e também para exercitar o cérebro. Profissionalmente sou servidor da Justiça Estadual.

No geral eu opino sobre o que leio durante a semana. Também costumo trazer curiosidades e assuntos que não estão na “time line”, para usar um termo da moda.

Procuro ofertar aos leitores um blog diferente do convencional, sabendo que, por esta razão, tenho um público peculiar.

*

O inverno começou às 7h07 de ontem. Já está sentindo aquele friozinho?

*

FRASE“Quem quer ver Lula derrotado deve torcer para que o seja nas urnas. Lula impedido será um fantasma a assombrar não apenas a eleição, mas o mandato presidencial que se seguirá”. (Roberto Pompeu de Toledo, em artigo na Veja).

*

FUNCIONALISMO AINDA EM ATRASO – Os dias passam e o governador do Estado não consegue colocar em dia o pagamento do funcionalismo estadual. Já nos aproximamos do final de junho e parte dos servidores ainda não recebeu os vencimentos de maio. O 13º de 2017 também não foi pago.

É por essas e outras que o governador Robinson Faria (PSD), pai de Fabinho, é hostilizado aonde chega. Caso queira ser reeleito, ele deve cuidar logo para colocar o pagamento do funcionalismo em dia. É o mínimo.

*

TUCANO LIVRE DE MORO – Esta semana o Superior Tribunal de Justiça, através de sua Corte Especial, entendeu que o processo em desfavor do ex-governador Beto Richa (PSDB), do estado do Paraná, não deve tramitar na 13ª Vara Federal Criminal do Paraná, que tem a frente o juiz Sérgio Moro. É impressionante como os tucanos de penas claras e anéis nas patas conseguem se esquivar da Vara do juiz Moro.

E nem sei se esse temor de enfrentar o juiz da 13ª Vara se justifica…

*

UMA ESTRELA NO FIM DO TÚNEL – Caso a 2ª Turma do STF julgue a favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na próxima terça-feira (26), ele terá vitória dupla. Além da liberdade, ficará apto a concorrer ao cargo de presidente da República. Pelo menos é isso o que defende o criminalista Gustavo Badaró, professor de Direito Penal da USP, em entrevista ao Estadão.

Uma hipotética decisão favorável suspenderia os efeitos da sentença de segundo grau, tirando assim o ex-presidente da Lei da Ficha Limpa. Para o petista seria o melhor dos mundos, vez que ele lidera todas as pesquisas de intenção de votos.

É preciso, contudo, cautela. O histórico de Lula no STF não é dos melhores. A 2ª Turma é formada pelos ministros Edson Fachin, Celso de Melo, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes.

*

DISTORÇÃO – Não entendo essa celeuma envolvendo a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar supostas irregularidades envolvendo os acordos de colaboração premiada.

De umas semanas para cá começaram a pipocar denúncias as mais diversas sobre as colaborações premiadas. Caso de colaborações direcionadas, de pessoas que pagavam para não serem acusadas etc.

Tudo isso precisa ser apurado. Ou será que policiais federais e procuradores da República são seres imaculados, acima do bem e do mal?

*

NOTA DE ESCLARECIMENTO – A assessoria do vereador Rondinelli Carlos (PMN) enviou nota ao blog para esclarecer postagem publicada aqui na coluna passada. Ei-la:

Ao ler o seu blog nos deparamos com a nota “Um terço dos vereadores almeja a AL-RN” e nela consta o nome do vereador Rondinelli Carlos (PMN). Sobre essa disposição em disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa, refutamos e afirmamos:

– Exercendo o seu primeiro mandato, o edil tem o foco de continuar o mandato na Câmara Municipal de Mossoró, atendendo os anseios da população, em sua plenitude.

– Nesses primeiros 18 meses de mandato, o vereador Rondinelli Carlos (PMN) já apresentou 225 indicações, 48 projetos de lei (sendo 04 já sancionados e/ou promulgados), 51 requerimentos, 36 emendas, 29 projetos de decreto legislativo e 02 projetos de resolução.

– O trabalho continuará firme. Com e para o povo até o ano de 2021, onde estudaremos uma proposta de reeleição.

– Registramos que o vereador e a sua assessoria são leitores assíduos do seu blog. Nos colocamos à disposição para quaisquer dúvidas. Grato!

Nota do Tio – Eu que agradeço pelo esclarecimento. Este espaço sempre estará disponível para o contraditório. Daqui desejo sucesso ao edil, que conheço desde o ginasial, quando estudávamos no Dom Bosco.

*

EXPEDIENTE NO JUDICIÁRIO – Hoje não haverá expediente no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte. A determinação está na Portaria Conjunta nº. 22/2018. Na próxima quarta-feira (27) o expediente será das 08h às 13h.

Já a Justiça do Trabalho funcionará hoje das 13h às 17h30.

*

ENFIM A DATA-BASE – Ontem, foi publicada no Diário Oficial do Estado a Lei Complementar n.º 634/2018, assinada pelo governador do Estado no dia anterior, 20 de junho.

Trata-se da implantação da data-base para os servidores, uma luta antiga da categoria. A conquista é atribuída ao atual presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Expedito Ferreira, que se esforçou pessoalmente para que o projeto fosse aprovado no Legislativo e sancionado pelo governador. Sem contar, é claro, o trabalho dos sindicatos que defendem a categoria. É uma luta de anos.

OBS. Cumprindo agenda em Mossoró, o presidente do Tribunal foi recebido com muita alegria pelos servidores do Fórum (foto acima).

*

TOTALMENTE SEM SENSO – Vi um homo sapiens sapiens escrever no Facebook que estão exagerando em relação aos brasileiros que fizeram aquela “brincadeira” com uma russa. Segundo ele, só estão criticando porque os rapazes estavam com “camisas do golpe”, e que por isso são taxados de conservadores. No caso, seria uma forma de atacar os conservadores. É até difícil de explicar, mas é isso.

Como diria uma antiga amiga minha: “Se cria uma pessoa dessas?”. Esse está no nível “camisa-de-força”.

*

AVANTE, BRASIL – A Seleção Brasileira de Futebol entra em campo daqui a pouco. Teoricamente pegará uma equipe bem mais fraca do que a primeira. A previsão é que ganhe com mais de um gol de diferença. Além da vitória, o brasileiro espera ver nossos jogadores fazendo bonito, com dribles desconcertantes, belas jogadas etc. Está bom de Neymar Jr. parar com aquele cai-cai.

*

REVOLTANTE – Há 49 crianças brasileiras presas e separadas dos seus pais nos Estados Unidos. A mais nova tem cinco anos. O governo brasileiro até agora não fez nada para solucionar esse seriíssimo problema. Não entendo como os EUA, um país com democracia plena, pratica este tipo de atentado aos direitos humanos e à dignidade da pessoa humana. Não, você não leu errado, isso está acontecendo nos EUA.

*

AULA DINÂMICA – Algumas academias de Mossoró já oferecem aulas de circuito funcional (Synergy). Trata-se de uma atividade bem dinâmica, ideal para quem não suporta a monotonia dos exercícios convencionais. A aula compreende dez ou mais atividades realizadas em circuito, com duração de 30 segundos cada.

Cada aula tem três rodadas, com pausa de 2 minutos entre uma e outra. Ao terminar o circuito o aluno terá trabalhado os mais diversos grupos musculares. São 40 minutos, em média, de atividade física intensa. As aulas são ministradas três vezes por semana, sempre com mudanças de atividades, por isso se torna tão dinâmica.

*

MAIS UMA CNH DE DEVEDOR É APREENDIDA – O juiz de Direito Luiz Antonio Júnior, da Comarca de Ipameri-GO, determinou a apreensão da CNH, passaporte e cartões de crédito de um executado por dívida junto à instituição financeira.

No curso do processo não foram encontrados bens em nome do devedor para quitar a dívida de R$ 14 mil. O juiz alegou, contudo, que nas redes sociais o executado postava diversas fotos em viagens nacionais e internacionais. Textualmente:

“Como é possível uma pessoa fazer diversas viagens internacionais todo ano e, mesmo assim, não ter numerário em conta bancária e não ter bens registrados em seu nome, sequer um único veículo? O padrão de vida evidenciado para a sociedade revela a ocultação de bens do devedor.

Frise-se que neste caso o juiz só tomou tal decisão por causa da incongruência entre a pobreza do devedor nos autos e sua vida postada nas redes sociais.

*

VACINAÇÃO – Após segunda prorrogação, termina hoje, no Rio Grande do Norte, a campanha de vacinação contra a gripe. Pelos cálculos do Ministério da Saúde em relação ao RN, 89 mil pessoas integrantes do público-alvo não tomaram a vacina.

Caso sobre vacinas apenas o encerramento da campanha, estas poderão ser aplicadas em crianças de 05 a 09 anos e em adultos de 50 a 59 anos.

*

MENOS FORO – Na última quarta-feira a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que governadores e conselheiros de tribunais de contas estaduais só serão julgados por aquele órgão se os fatos imputados a eles tiverem sido durante o exercício do cargo e em função dele. Caso contrário, o processo tramitará no juízo de primeira instância.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).