PEI E BUFO – 165ª edição.

0
115

* Uma notícia alvissareira. A Anvisa aprovou o uso emergencial de dois medicamentos para o tratamento de Covid-19. Eles devem ser ministrados logo após o diagnóstico, para evitar o agravamento da doença. Mostrou-se eficaz em 70% dos casos. Que massa!

* Não há, no Brasil, uma coordenação nacional sobre a sequência da vacinação entre os grupos prioritários, nem tampouco padronização quanto aos documentos exigidos. Cada estado e município têm liberdade para definir grupos e documentação exigida.

* A Nature, maior revista científica do mundo, perguntou a cem renomados imunologistas se eles achavam que o coronavírus seria erradicado, como aconteceu com o vírus da Gripe Espanhola. 90 deles disseram que não, que teremos que conviver com a doença daqui pra frente.

* A Superinteressante de abril traz uma matéria intitulada “a farsa da ivermectina”, onde explica, com detalhes, como surgiu a lenda de que o remédio poderia ser eficaz contra a Covid-19. Após a leitura do texto, rico em fontes, não há como insistir na sua eficácia contra a Covid-19.

* Em março, as receitas do governo federal somaram R$ 137,9 bilhões, alta de 18,5% quando comparado a março de 2020. É o valor mais alto para o mês desde 1995.

* São registrados 180 estupros por dia no Brasil, o que dá um caso a cada 08 minutos. 30% das vítimas são crianças de zero a 09 anos. Um número maior de casos ocorre sem que a polícia fique sabendo, pelo medo que as vítimas têm dos criminosos.

* Na sexta, 23, comemora-se o Dia Mundial do Livro. Em tempos de pandemia, tendo que ficar em casa, livro é uma ótima companhia. Passe lá no sebo de Canindé, no Shopping Oásis, e faça sua “feirinha”. Abandone um pouco o zap. Livros são melhores.

* A menina Vitória, de 05 anos, vem sendo vítima de ataques racistas nas redes sociais, isso porque sua mãe, a funkeira Pocah, participante do BBB 21, votou na maquiadora Juliette para o paredão. Pois é, que tempos! A notícia foi publicada no Estado de S. Paulo.

* Na mitologia romana, Jano é a divindade que possui duas faces, uma olhando para trás e outra para o porvir. É considerado o deus da transformação. Seu nome serviu de inspiração para denominar o primeiro mês do ano.

* O guitarrista Brian May, do Queen, é quem faz o solo na música El Vampiro Bajo el Sol, dos Paralamas do Sucesso, gravada no disco Severino (1994). A letra é de Herbert Vianna e a música é de Fito Paez. Outra coisa, Herbert Vianna é paraibano de João Pessoa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome