PEI E BUFO – 312ª edição.

0
113

* Natural de Alexandria e formado na UERN, Clístenes Mikael Gadelha assumiu ontem o cargo de Defensor Público-Geral do Rio Grande do Norte para o biênio 2022/23. Ele ingressou no órgão em 2008, desde então já exerceu várias funções administrativas.

* Segundo o deputado federal Delegado Waldir (PSL-GO), ex-bolsonarista, cada colega seu que votou em Arthur Lira (PP-AL) para presidente da Câmara recebeu R$ 10 milhões em emendas do orçamento secreto. O caso está sendo apurado.

* Atualmente o estado de Alagoas não tem vice-governador. Luciano Barbosa (MDB) foi eleito para o cargo em 2018, mas o deixou em 2020, quando ganhou as eleições para prefeito de Arapiraca. O governador do estado é Renan Filho (MDB), desafeto do seu ex-vice.

* Três institutos já registraram pesquisas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em atenção à lei eleitoral. Os resultados devem ser divulgados ainda esta semana. Os bolsonaristas têm esperança que os números do presidente estejam melhores, ante a necessidade de registro da pesquisa.

* Entre 2002 e 2014 a pobreza no Brasil caiu de 26,7% para 8,4%. Foi a primeira vez na história do país que a renda dos mais pobres subiu mais do que a dos mais ricos, o que permitiu a saída do Brasil do mapa da fome. Em 2011 tínhamos o sexto maior PIB do mundo.

* Após 40 anos, o jornalista Luiz Antônio Felipe deixou a Tribuna do Norte. Nos últimos 27 anos ele assinou a informativa coluna “Negócios e Finanças”. Ele se despediu de seus eleitores na edição do dia 01º de janeiro.

* “Os ciclos eleitorais são propícios a expandir os níveis de emoção e a enfraquecer as taxas de racionalidade”. (Gaudêncio Torquato, consultor político).

* I – Em visita ao Brasil, final dos anos 70, o empresário Nesuhi Ertegun, presidente da gravadora WEA, estava sendo levado do hotel para a sede da gravadora no país, pela orla carioca, quando perguntou ao produtor Marco Mazzola se era feriado.

* II – A pergunta foi motivada pela grande quantidade de pessoas na praia. O produtor respondeu que não era feriado, que a maioria das pessoas ali eram estudantes, o presidente da WEA insistiu: “E eles não estudam?”.

* O cantor e compositor Tom Zé nasceu no interior da Bahia, numa família muito humilde. Tudo mudou quando eles acertaram um grande prêmio na loteria, permitindo assim que Tom Zé fosse estudar na capital e entrasse no mundo da música.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome