PEI E BUFO – 379ª edição.

0
121

* I – O Pingo da Mei Dia levou 200 mil pessoas ao Corredor Cultural, segundo a organização. Ou seja, número equivalente a 2/3 dos moradores da cidade.

* II – Apesar da grandiosidade do Pingo, não houve tumultos, confusões generalizadas e/ou ocorrência de crimes de maior potencial ofensivo, foram registrados apenas furtos, pequenos roubos e algumas autuações na Lei Maria da Penha.

* III – Segundo uma fonte ouvida pelo blog, os cinco casos de Maria da Penha registrados tiveram a mesma causa: companheiras que se desvencilharam de seus maridos etc. e se entregaram aos encantos de terceiros, causando a ira dos “titulares”. Aquela ida ao banheiro…

* A buraqueira na RN-117, trecho entre Mossoró e Governador Dix-sept Rosado, começa a incomodar os motoristas que utilizam a rodovia. As reclamações passaram a ficar rotineiras, inclusive com relatos de acidentes.

* Quando um camarote oferece no open bar cervejas de boa qualidade e alguma de qualidade inferior, logicamente as pessoas optarão pelas primeiras, e lá pelas tantas elas acabarão, restando apenas a de baixa qualidade. Foi o que aconteceu no camarote do La Goccia Blu, de 19h em diante só tinha a de qualidade inferior.

* A Veja da semana trouxe matéria sobre uma situação que vem encucando analistas políticos: a guinada do Sul à esquerda. Em março, a região era a única onde Bolsonaro vencia Lula (29 x 24), e agora é a segunda onde o petista tem mais vantagem (36 x 25), perdendo apenas para o Nordeste. Números da Paraná Pesquisas, frise-se.

* Cientistas têm defendido a mudança da técnica de aplicação das vacinas contra o coronavírus, de intramuscular para nasal, que traz efeitos mais imediatos. Isso nada tem a ver com o tal do spray nasal que o presidente Jair Bolsonaro defendia como remédio em março do ano passado.

* No último sábado (4), em Sobral (CE), uma mulher de 25 anos se valeu de um guarda-chuva para matar um homem de 49 anos que a importunava. A vítima ainda foi socorrida e levada a uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos. Informações do jornal O Povo.

* Em decisão datada de ontem, o ministro Humberto Martins, do STJ, manteve a suspensão de um show de Gusttavo Lima em Teolândia (BA). É o segundo show do artista a ser cancelado (com trocadilho e tudo). Outras 27 apresentações estão sob análise da Justiça.

* O clássico “Cabecinha no Ombro” foi lançada pela primeira vez em 1957, interpretada por Alcides Gerardi. A composição é de Paulo Borges. Contava ele que quem chorou no seu ombro foi uma amiga, durante uma viagem de bonde. Daí surgiu a inspiração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome