Racionalidades – 94ª edição.

0
119

BORA AGIR, CDL. – Sempre presente na imprensa, ainda não vi nenhuma campanha do Clube de Diretores Lojistas (CDL) de Mossoró para o dia 04 de junho, onde todo o comércio nacional promove o Dia Livre de Impostos, uma campanha anual que visa conscientizar o comprador do excesso de tributos nos produtos.

Neste dia, lojistas vendem alguns de seus itens sem o valor dos tributos. Boa oportunidade para movimentar a economia.

Em tempos de pandemia, muitos comerciantes Brasil afora farão as promoções do dia via internet, mas farão.

Maiores informações no site www.dialivredeimpostos.com.br.

*

PINGO DA MEI DIA – A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) surpreendeu a todos ao anunciar, esta semana, a realização do Pingo da Mei Dia. Na realidade, uma versão live do evento, seja lá o que isso for. No post, publicado no Instagram, ela não deu maiores detalhes.

Só torço que seja algo que não demande muito dinheiro. Afinal, todos os esforços devem se concentrar no combate à Covid-19.

Sendo algo com baixo custo, a iniciativa será bem-vinda. Afinal, a Constituição Federal também elenca o lazer como um dos direitos do cidadão. Aguardemos!

*

PRA PENSAR – Óbvio que não acredito nessa conversa de que a China criou o coronavírus de propósito para dominar o mundo etc. No entanto, estava na semana lendo o livro “Homo Deus – Uma breve história do amanhã”, de Yuval Noah Harari, lançado em 2015, e me deparei com um trecho que achei interessante. Serve para alimentar o debate:

“As grandes epidemias vão continuar a por a humanidade em perigo no futuro se, e somente se, a própria humanidade as criar, a serviço de alguma ideologia brutal. A era na qual a humanidade se via impotente diante de epidemias naturais provavelmente chegou ao fim”.

Esse trecho é um prato cheio para os adeptos da teoria de que a China criou o vírus de propósito. Particularmente, vejo que o autor superestimou o conhecimento científico. Ora, até hoje a ciência não descobriu a cura da gripe.

*

A REUNIÃO – Na última sexta-feira o ministro Celso de Mello, do STF, tornou pública uma reunião ministerial ocorrida no dia 22 de abril, com a presença de todos os ministros do atual governo, mais alguns assessores e equipe de apoio. Ao todo, umas 40 pessoas.

A imprensa tratou logo de divulgar os principais trechos, e na sequência as torcidas levantaram as suas bandeiras. Os apoiadores do presidente disseram que o vídeo não trouxe nada demais, apenas confirmou o que todos já sabem, que o presidente é autêntico e patati-patatá.

Os opositores mais uma vez se mostraram chocados com o nível de incivilidade dos ocupantes do atual governo, especialmente os ministros da ala mais ideológica, como Abrahan Weintraub (Educação), Damares Alves (Direitos Humanos) e Ricardo Salles (Meio-Ambiente).

*

INTERFERÊNCIA – O presidente da República se mostra incomodado com a atuação da Polícia Federal, pois diz não receber informações do órgão. Neste instante confessa que é abastecido com informações paralelas, mas não especifica de onde elas vêm.

O presidente revela seu interesse em mudar as peças na superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro, colocando pessoas de sua confiança, o que acaba acontecendo dias depois da reunião, causando incômodo ao então ministro da Justiça, Sérgio Moro, que acaba pedindo renúncia do cargo.

*

PAUTA – Vi alguns trechos da reunião. Chamou-se a atenção a falta de pauta, de um mínimo de organização. Cada um falava o que queria, sem obedecer a nenhuma sequência e sem mostrar nenhum documento que justificasse seus argumentos. Era verborragia, apenas. Nenhuma empresa, pequena que seja, funciona daquele jeito. Tudo na vida precisa de organização, planejamento, estudos etc.

Vou nem entrar no mérito do que foi dito, pra não quebrar a leveza que me proponho ao escrever este hebdomadário. Cada um tire suas conclusões.

*

AUXÍLIO-EMERGENCIAL – O governo federal já desembolsou R$ 65,5 bilhões para pagar o auxílio-emergencial, somando as duas parcelas. Foram 55,9 milhões de beneficiados, inclusive muitos que não precisam.

*

MAIS DINHEIRO – Desde o último dia 25 de maio o INSS está pagando a segunda parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas. O calendário de pagamento segue até o dia 05 de junho, observando o último número do cartão do beneficiado, desconsiderado o dígito identificador. São 35,8 milhões de favorecidos diretos. R$ 71,5 bilhões na economia.

*

GRANA PARA DILMA ROUSSEFF – A Estratégia Concursos LTDA terá que pagar R$ 60 mil de indenização à ex-presidente Dilma Rousseff (PT), isso porque a chamou de burra numa campanha publicitária. A decisão foi da Justiça de Minas Gerais.

*

NÃO – 80% dos donos de bares e restaurantes no Brasil solicitaram empréstimos no sistema bancário. Destes, 81% não tiveram seus cadastros aprovados. Os dados são da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). Os bancos querem que o governo federal, de alguma forma, afiancem os empréstimos, o que não vem ocorrendo. Daí a grande quantidade de cadastros negativos.

*

RESTAURANTE 5ª AVENIDA – Recebi com tristeza a notícia do fechamento do restaurante 5ª Avenida, que eu frequentava desde os anos 90. Vivi muitos momentos marcantes e agradáveis naquele ambiente. O local já apresentava sinais de “cansaço” há algum tempo, talvez por não conseguir concorrer com os novos bares e restaurantes que foram abertos na João da Escóssia, como o Tchê e o Buscapé, entre outros.

De todo modo, uma grande pena, pois se tratava de um dos últimos points tradicionais da cidade.

*

ESPERANÇA – Há a possibilidade de o ponto ser reaberto após o fim dos decretos de isolamento social, com outro nome e outra administração. Há negociações neste sentido. Ao menos isso.

*

TRATE BEM – Com o crescimento do serviço de delivery, rotineiramente recebemos entregadores em nossas portas, profissionais que contribuem significativamente para que o distanciamento social seja mantido.

Assim, vai uma dica:

Trate-os bem, seja gentil, educado. Dê bom dia/tarde/norte, agradeça, deseje bom trabalho, pergunte se não querem uma água, suco ou café. Não custa nada. Se puder, dê uma gorjeta, melhor ainda.

*

CONSTRUÇÃO CIVIL – Nos três primeiros meses deste ano a construção civil no Nordeste lançou 56,3% menos unidades habitacionais do que no mesmo período do ano passado. Curiosamente, ocorreu o inverso no Norte, onde houve crescimento de 183,5%.

No Sul, Sudeste e Centro-Oeste também houve declínio, mas em percentagem menor do que no Nordeste.

 *

RETOMADA DA ECONOMIA – Antes da pandemia, com tudo na absoluta normalidade, o país já não vinha crescendo. Assim, a dificuldade será ainda maior no pós-pandemia, com muitas empresas quebradas, desemprego nas alturas, crédito dificultado. Não será moleza.

Se antes, o investimento estrangeiro já era necessário, após a pandemia ele será primordial. Não haverá como reerguer a economia se não tivermos empresas de fora se instalando aqui.

Lembre-se, contudo, que o investidor estrangeiro só se instala num país se houver estabilidade jurídica e política. Além disso, algumas empresas exigem compromisso com o meio-ambiente, respeito à democracia, estabilidade social etc.

Ao menos é isso que escuto faz uns 20 anos.

*

RENDA MÍNIMA – Cresce a pressão para que o governo federal adote alguma renda mínima quando acabar as três parcelas no Auxílio-Emergencial. Na economia, um projeto de renda mínima é defendido tanto por liberais como por conservadores. É consenso. Afinal, quem receber um valor por mês não irá gastá-lo em Urano ou Saturno. Dinheiro na economia volta para o governo em forma de tributos. A esquerda apoia por se tratar de uma forma de redistribuir renda. Na verdade, só quem não apoia é a elite egoísta e mesquinha.

*

O AUTOR – A frase “Governar é abrir estradas” é mais uma daquelas atribuídas a várias pessoas. In casu, seu autor é o ex-presidente da República Washington Luís, que a usou como lema quando governou o estado de São Paulo, lá pelos anos 20.

*

CNN – Você leu o post que fiz no último sábado, com pequenas pílulas explicando a chegada da CNN ao Brasil? Trata-se de um novo “quadro” deste espaço. De vez em quando escolherei um assunto específico e publicarei pílulas sobre este. Acato sugestões.

*

AQUELE MAGOTE DE DISCÍPULOS – O humorista Edmilson Filho tem usado seus canais nas redes sociais para interpretar passagens bíblicas na linguagem do cearense. O projeto tem participação do juiz federal Marcos Mairton, que trabalhou durante algum tempo em Mossoró, e é amante do chamado “cearensês”. No Instagram procure por “Edmilson_filho”. Ele também tem canal no YouTube.

*

BALÃO MÁGICO – Passei batido, mas soube que a cantora Simony fez uma live cantando os sucessos da banda Balão Mágico, juntamente com Tob, também ex-integrante da banda, que animou a criançada nos anos 80. Basta procurar no canal da cantora.

*

HE-MAN – Antes de se tornar “Esqueleto”, o mestre do mal de Etérnia se chamava Keldor, um irmão desaparecido de Randor, pai de He-Man. Assim, vilão e mocinho são também tio e sobrinho.

*

PEI E BUFO

* Alguém sabe dizer qual o nome do atual ministro da Justiça?

* Amanhã, às 17h, tem live do cantor Joãozinho Sete; e às 20h tem Skank. Recomendo.

* Com 781 moradores, Serra da Saudade (MG) é o menor município do Brasil em número de habitantes.

* O imortal Murilo Filho (91) morreu na última quarta-feira (27), vítima de um AVC.

* A atriz Luana Piovani (43) foi pedida em casamento. O da vez é o jogador de basquete Ofek Malka (22).

* Após 24 anos, Zeca Camargo deixará a rede Globo.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).