PEI E BUFO – 161ª edição.

0
117

* No Twitter, a governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou que prorrogará o decreto atual, com validade até a próxima sexta-feira (17), por mais 08 dias. Assim, as regras atuais se estendem até o dia 24 de abril.

* Começou o processo de escolha para a vaga da juíza Adriana Magalhães no TRE-RN, cujo biênio se encerra no dia 03 de junho próximo. Oito advogados concorrem à vaga. Entre eles, apenas um com atuação em Mossoró, Júlio César de S. Soares (OAB/RN 6.708).

* No processo para a escolha do novo juiz do TRE-RN, o Tribunal de Justiça reduz a lista para três concorrentes, e então envia os nomes para o presidente da República, que escolherá um entre os nomes enviados.

* O empresário Flávio Rocha agradeceu ao prefeito de Natal e à Câmara Municipal pela aprovação do projeto de lei que renomeia a avenida Bernardo Vieira para Nevaldo Rocha, nome do seu pai. A proposta segue agora para sanção do prefeito, que foi o autor da proposição.

* “O melhor modo de apreciar o chicote é ter-lhe o cabo na mão”. (Machado de Assis, in Quincas Borba).

* O fato de eu ser rico ou pobre, gordo ou magro, feliz ou triste, depende apenas do meu ponto de vista, tudo tem a ver com a força do meu pensamento, falou-me o coach quântico.

* Estreia hoje no canal GNT o Bem Juntinhos, apresentado por Rodrigo Hilbert e Fernanda Lima. O programa, gravado a partir da residência do casal, tem a culinária como foco, sempre recebendo convidados. Na edição de estreia será a atriz Cláudia Raia. 21h30.

* A colunista Rosalie Arruda, da TN, anuncia que o Projeto Seis & Meia voltará em junho, data de comemoração de seus 25 anos. O idealizador da retomada é o produtor cultural Amaury Júnior. As apresentações serão pelo canal de YouTube da Band RN.

* Marlene Mattos, ex-empresária de Xuxa, está processando a apresentadora por calúnia. Em entrevista à Veja, em janeiro, Xuxa disse que foi roubada, enganada, usada e manipulada pela ex-empresária, a qual decidia até sobre seus namoros.

* Nos anos 90, muita gente dançou ao som de The Rhythm of the Night (1993), um dos maiores hits da década, de Corona, que não era nem uma banda e nem uma pessoa, mas um projeto. A morena que dança e dubla no clipe (aqui) é a modelo brasileira Olga Maria de Souza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome