PÍLULAS…PÍLULAS…(17fev)

0
79

Antes de tudo, desculpar-me por mais uma sexta-feira sem o tradicional post. Na semana passada eu estive assoberbado de tarefas, nesta eu estou sem muitas histórias para contar. Minhas “fontes” não me deram elementos, e eu não irei inventar. Os causos que trago aqui são todos reais, apenas tenho o cuidado de não revelar os nomes dos envolvidos.

*

scarpas1

Na última quarta-feira, em jogo realizado pela primeira rodada da Taça do Brasil, o Fluminense-RJ foi à Ceará-Mirim e derrotou o Globo-RN por 2 x 5. O grande destaque da partida foi o gol feito por Gustavo Scarpa. Ele chutou – consciente – ainda dentro do seu campo (como mostra a foto), e conseguiu fazer o gol que Pelé nunca fez. A bola percorreu 59m até chegar ao fundo da rede. O feito já está carimbado para concorrer ao prêmio Puskás de melhor gol de 2017.

*

Após o término de um concerto do pianista Arthur Moreira Lima, um espectador se aproximou do artista e disse: “- Eu daria minha vida para tocar piano como o senhor”. Moreira Lima então respondeu: “-Eu dei. Foram 40 anos de minha vida, com 10 a 12 horas diárias de ensaio”.

*

Não entendo esta parceria administrativa entre o município de Mossoró e o governo do Estado. A não ser que seja uma parceria entre o lombo e o chicote.

Na Saúde, a prefeita de Mossoró não pretende dar continuidade ao atendimento ortopédico na UPA do Belo Horizonte, o que superlotará ainda mais o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). E pegue mais críticas para o governador Robinson Faria.

Na Educação, a secretária Magali Delfino não renovou o convênio do transporte escolar entre município e estado. Assim, os ônibus escolares da prefeitura de Mossoró não mais transportarão os alunos da rede estadual de ensino. Vale destacar que o estado pagava por aluno. Ora, se há vagas nos ônibus, se os percursos são os mesmos, se o estado pagava por aluno, por que não renovar o convênio? Eu e Raimundo Costa, pai de aluno da rede estadual, queríamos entender.

Na Segurança, a prefeita não deu continuidade ao projeto das BICs (Bases Integradas Cidadãs), o que de certa forma contribuiu para o aumento da criminalidade. Queiramos ou não, os equipamentos traziam mais segurança para os moradores, além de garantir um dinheiro extra para os policiais militares, que assim trabalhavam mais motivados.

Sinceramente, se existir uma parceria, é entre a mão e a palmatória.

*

Ontem, no Facebook, pedi umas indicações de séries que estejam na primeira ou segunda temporada. Recebi várias sugestões. Algumas eu já assisti e outras já estão na 4ª ou 5ª temporada, o que torna difícil acompanhar. Entre as mais indicadas estão Designated Survivor, Stranger Things, Vikings, Colony, O Atirador, The Crown, Homeland e How to Get Away with Murder.

Todas anotadas. Ontem mesmo comecei a assistir a Designated Survivor, que guarda algumas semelhanças com House of Cards. Gostei muito. Entendi o motivo de tantas indicações.

  *

Duas coisas quase impossíveis em Mossoró: água nos banheiros da Praça da Convivência e cerveja gelada no Nogueirão.

*

Leio no blog de Carlos Santos que os reservatórios de água no Rio Grande do Norte continuam em situação crítica, apesar das últimas chuvas. Corroboro. Conheço de perto a realidade de Governador Dix-sept Rosado. Tudo continua seco estorricado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome