Racionalidades – 97ª edição.

0
126

CELETISTAS AINDA A VER NAVIOS – No último dia 14 de abril o Jornal Oficial do Município (JOM) publicou a rescisão contratual de 29 servidores da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Juventude, os quais tinham sido contratados no ano de 2018. O ato foi retroativo ao dia 01º daquele mês. Ninguém havia sido avisado de nada.

Desde então este grupo não recebeu nenhum direito trabalhista, nem ao menos a compensação pelos 14 dias que trabalharam a mais.

No início deste mês, por meio de nota à imprensa, a prefeitura disse que já havia iniciado o pagamento das rescisões, informação esta desmentida por uma das profissionais que tiveram o contrato rescindido, a qual falou com este blog na última quarta-feira, sob a condição de anonimato.

Ela relatou ainda que por causa dessa situação não conseguiu receber nem o Auxílio Emergencial, pois no cadastro do Ministério do Trabalho ela aparece como trabalhadora ativa, não fazendo jus aos R$ 600 mensais.

Que desumanidade!

Um descaso total com essas 29 vidas. Queria que os jornalistas de cativeiro, expressão do jornalista William Robson, tratassem de mais esse descalabro da administração municipal. Vou sentar numa poltrona bem confortável para aguardar.

*

ELEIÇÕES 2020 – Em mais uma reunião entre os presidentes da Câmara dos Deputados, Senado Federal e Tribunal Superior Eleitoral, com presença de outros líderes políticos e profissionais da saúde, na quarta-feira (16), restou decidido que as eleições 2020 realmente serão adiadas, mas não decidiram a nova data.

Mais uma vez assentiram que os atuais mandatos de prefeitos e vereadores não serão prorrogados.

Também na reunião foi ventilada a possibilidade de aumentar o período de propaganda eleitoral na rádio e televisão, bem como a realização da votação em dois dias. Neste caso, foi lembrado que um dia a mais de votação implicaria um gasto extra de R$ 180 milhões, referentes a alimentação e segurança.

Concordaram que a decisão definitiva tem que ocorrer até o dia 30 de junho.

*

ELEIÇÃO NA UFERSA – No início da semana, os professores, alunos e técnicos da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) foram às urnas escolher o novo reitor da instituição.

O vitorioso foi o professor (01º) Rodrigo Codes, com 37,5% dos votos, seguido pelos também professores (02º) Jean Berg, 24,8% e (03º) Ludimilla Oliveira, 18,3%.

Agora, a lista tríplice será enviada para o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), que, pelas regras atuais, poderá escolher qualquer um dos três, independentemente da posição na lista.

Nas eleições pretéritas, os ex-presidentes Fernando Henrique, Lula e Dilma acataram a vontade da maioria e nomearam o mais votado. O atual presidente, contudo, tende a nomear aquele mais alinhado ideologicamente a ele.

O segundo colocado, professor Jean Berg, já afirmou que não assumirá o cargo caso seja o nomeado, em respeito à vontade da maioria. A professora Ludimilla, entretanto, disse que não vê problema nenhum em ser nomeada, que aceitaria sim a indicação.

*

ELEIÇÃO NA UFERSA 2 – Logo após a divulgação do resultado, a professora Ludimilla Oliveira, apesar de ter sido a última colocada, foi a que comemorou mais efusivamente o desfecho das eleições. Curioso, muito curioso.

*

TOM CONCILIADOR – Quando da posse como ministro das Comunicações, o ex-deputado federal Fábio Faria (PSD) adotou um discurso bem semelhante ao de Rogério Marinho quando este assumiu o ministério do Desenvolvimento Regional. Curiosamente, os dois potiguares foram os únicos ministros que focaram na conciliação em seus discursos de posse.

Faria falou frases como: “Deixar diferenças ideológico-políticas de lado”, “É hora de pacificar o país” e “armistício patriótico”. Parece até que estava tomando posse no governo errado.

*

BOLSONARO NO CEARÁ – O presidente adiou do dia 20 para o dia 26 desse mês a visita ao estado do Ceará, onde ele prestigiará a chegada das águas da Bacia do São Francisco ao estado, o que ocorrerá no município de Jati, que receberá águas de Salgueiro (PE).

Quando assumiu a presidência, esse trecho da obra já estava 97% concluído, e ainda assim não conseguiu concluir os 3% restantes. A obra será entregue ainda em fase de testes.

De toda forma, a presença de um presidente num evento desses é muito importante. Momento histórico para o município de Jati e também para o estado do Ceará.

*

A FUNÇÃO DAS FORÇAS ARMADAS – Ultimamente, o brasileiro tem debatido muito a função das Forças Armadas na nossa República. Muitos, muitos mesmo, imaginam que a instituição é uma espécie de poder moderador, que seria chamado a atuar quando houvesse desentendimentos inconciliáveis entre os três poderes, como se fosse um ente supremo adormecido à espera de provocação. Não, não é.

A função não é bem clara, até mesmo o redator do texto do art. 142 da Constituição Federal, onde o assunto é disciplinado, o então deputado constituinte e ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, tem dificuldade para explicá-la.

O fato, contudo, é que as Forças Armadas devem ser convocadas, por qualquer dos poderes, quando houver ameaça à lei e a ordem. Textualmente sua função é defender a Pátria e garantir os poderes constitucionais. O nó é a definição de “defender a Pátria”, que dá azo a várias interpretações.

*

FRASE“Em agosto, pelo menos 15 estados não pagarão a folha de funcionários”. (Deputado Federal Mauro Filho, PDT-CE).

*

AULAS PRESENCIAIS SÓ EM 2021 – A portaria nº 544, do Ministério da Educação, autorizou as universidades a substituírem as aulas presenciais por aulas remotas até o fim do ano. Permitiu ainda a suspensão total das atividades, retomando de onde parou, assim que possível.

*

GRIPE SUÍNA – Há dez anos, o então ministro da Saúde, José Gomes Temporão, anunciava que o Brasil estava livre da epidemia de Gripe Suína, causada pelo influenzavírus H1N1. O anúncio se deu após a vacinação de 81 milhões de brasileiros, uma campanha que durou três meses.

*

DIREITOS HUMANOS – O art. 25 da Declaração Universal dos Direitos Humanos, de 1948, prevê que toda pessoa tem direito à segurança (alimentar etc) se perder os meios de subsistência por circunstâncias independentes de sua vontade.

O auxílio emergencial é uma política de direitos humanos.

Viu aí como direitos humanos não serve apenas para “defender bandidos”?

*

AINDA – Esta semana vi um cliente num supermercado pedindo aos demais da fila que cedessem a vez para uma senhora idosa, visivelmente debilitada. Isso também é um ato que se encaixa no conceito de direitos humanos.

*

HEINEKEN – Escuto com demasiada constância algumas pessoas dizerem que só bebem a cerveja Heineken por ela não ter açúcar. Perdoe-me, mas isso não passa de lenda urbana.

Em cervejas, o açúcar é verificado através da quantidade de carboidratos, até porque açúcar mesmo nenhuma cerveja tem.

No caso da Heineken, a quantidade de carboidratos (3,18 g por 100 ml) não difere praticamente nada de algumas concorrentes. A Budweiser, por exemplo, tem 3,38 g por 100 ml; a Stella Artois, 3,27 g; a Devassa, 3,71 g.

Já alguns rótulos têm quantidades mais elevadas de carboidratos, como a Original (6 g) e a Bohemia (10 g).

As quantidades de carboidratos por marca de cerveja podem facilmente ser encontradas na internet, ou então no aplicativo FatSecret, de onde tirei os dados acima.

*

NEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS – A Serasa lançou a campanha “Serasa Limpa Nome”, onde dívidas podem ser negociadas com até 90% de desconto. A iniciativa engloba débitos entre R$ 200 e R$ 1.000. Para ter acesso, baixe o aplicativo ou entre em contato com a empresa credora para saber se ela participa da campanha. Entre as participantes posso destacar o Banco do Brasil, Oi, Claro, Vivo e Sky.

*

PREÇOS DE SUPERMERCADOs – Assim como o saudoso Emery Costa, também sou um “piolho” de supermercados. Como não tenho horta e consumo muitos vegetais folhosos, vou constantemente ao supermercado, e gosto muito de variar.

Nessas andanças já atestei que não há supermercados mais caros ou mais baratos. Há diferenças de preços entre alguns itens, mas ao final os preços das feiras se equivalem.

O que faz a diferença entre um supermercado e outro é a variedade, comodidade, estacionamento, quantidade de caixas, logística das gôndolas, limpeza, organização etc.

*

BASEADO EM FATOS REAIS – No finalzinho do Século XIX os Estados Unidos estavam decidindo que tipo de energia elétrica seria adotada para o uso geral, a de corrente alternada ou a de corrente contínua. Uma disputa, até certo ponto baixa, que envolveu Thomas Edson, Nikola Tesla, George Westinghouse, J. P. Morgan, entre outros.

A história é contada no filme A Batalha das Correntes, disponível na Amazon Prime Vídeo.

*

OSCAR 2021 – A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood adiou a data de cerimônia do Oscar 2021, de 28 de fevereiro para 25 de abril. A data limite para filmes elegíveis também foi adiada, de 31 de dezembro de 2020 para 28 de fevereiro de 2021.

*

PEI E BUFO

* Em 2019, sem pandemia, a economia do país cresceu 1,1%.

* As bebidas alcoólicas não são obrigadas a trazer tabelas nutricionais, pois não são consideradas alimentos.

* Amanhã (sábado) tem live de Eliane, a Rainha do Forró. 20h.

* A Nickelodean, através de suas redes sociais, anunciou que Bob Esponja é um personagem LGBTQ+.

* E aí, já declarou o Imposto de Renda? O prazo está acabando.

* Nunca é tarde para se recriar. Aos 90 anos, o ator Lima Duarte criou um canal no YouTube.

*

SUGESTÕES/CRÍTICAS – Esta coluna é atualizada às sextas-feiras, sempre às 04h59. Sugestões e críticas podem ser enviadas para o número 99648-2588 (WhatsApp).